Frei Jaime: um sorriso pode aliviar muitas dores - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Opinião10/10/2020 | 08h00Atualizada em 10/10/2020 | 08h00

Frei Jaime: um sorriso pode aliviar muitas dores

A todo instante é possível encontrar-se com pessoas diferentes

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

 Bom Dia! O sábado chega estampando alegria, pois é feriadão... Mesmo com as limitações do momento, é importante se abraçar na leveza e deixar a vida mais à vontade... Gratidão por mais um dia... Gratidão à vida por não desistir da felicidade... Diariamente eu bato um papo com a felicidade... Ela tem sido muito acolhedora... Feliz sábado! 

"Faça parte da caixinha de medicamentos de alguém." 

A interdependência faz com que a vida exercite aquelas trocas afetivas, que tornam extraordinário o ato de existir. A todo instante é possível encontrar-se com pessoas diferentes, principalmente através dos diferentes meios que a tecnologia proporciona. Em cada novo encontro, a emoção se multiplica e a alegria de viver alcança índices elevados.       

Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro 

Por mais difundido e arraigado que seja, o individualismo já dá sinais de enfraquecimento, pois a felicidade só acontece nos diferentes encontros da vida, permitindo que as faixas etárias façam trocas culturais, familiares e afetivas. Ninguém consegue viver sem depender dos outros, mesmo que seja indiretamente. Para ter o pão à mesa, alguém lançou a semente e fez a colheita. Mas tem algo que é real e fascinante, ao mesmo tempo: todos podem fazer parte da caixinha de medicamentos de alguém. 

No ato de dedicar uns minutos para escutar o outro, a cura acontece, a alegria retorna e o coração deixa de pulsar descompassadamente. Um sorriso pode aliviar muitas dores e fazer esquecer os problemas mais complexos, que carecem de solução. O olhar desarmado e carinhoso pode favorecer a visualização daqueles horizontes que a decepção impede de serem vistos. Um abraço tem a força de afastar o estado febril daqueles que estão sofrendo pelo descontrole emocional. A voz calma e pontual pode devolver a alegria de viver, pois muitos acabam perdendo o desejo de uma vida nova. 

Todos podem, num determinado momento, ser medicamento para quem fragilizou os passos e está sufocado pela angústia. A espiritualidade é mais do que um medicamento, é a certeza de que, mesmo que demore, no final tudo dá certo, pois a vida plena pode ressurgir do nada. Que a criatividade multiplique as fórmulas de uma vida simples e feliz. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros