Empresa de trilhas se reinventa, cria caminhadas autoguiadas e triplica movimento aos finais de semana - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Caixa-Forte23/10/2020 | 08h17Atualizada em 23/10/2020 | 08h17

Empresa de trilhas se reinventa, cria caminhadas autoguiadas e triplica movimento aos finais de semana

Procura pelas atividades ao ar livre na Indiada Buena também sofre impacto da mudança de comportamento provocada pela pandemia

Empresa de trilhas se reinventa, cria caminhadas autoguiadas e triplica movimento aos finais de semana Indiada Buena/Divulgação
Largada ocorre de forma alternada, em duplas e trios, em horários diferentes Foto: Indiada Buena / Divulgação

A Indiada Buena, empresa de Bento Gonçalves que promove caminhadas, acampamentos e aventuras em meio à natureza, já tem nove anos de atuação, mas nunca teve tanta procura pelas atividades ao ar livre como nos últimos finais de semana. Além da mudança do comportamento das pessoas, que passaram a valorizar mais os espaços a céu aberto, o aumento da demanda é fruto da reinvenção do negócio.

Cristiano da Cruz, idealizador da empresa, conta que, antes da pandemia, costumavam formar grupo de 15 até 25 pessoas para fazer trilhas em cachoeiras, cânions, ferrovias e atrações de ecoturismo. Mas, com a chegada do vírus, foi preciso interromper o plano original. A empresa ficou de março até maio parada.

Quer ler mais textos da coluna Caixa-Forte?  

_ E foi aí me ocorreu a ideia de fazer as atividades autoguiadas. Assim, a gente voltou a fazer as mesmas trilhas com acompanhamento, mas só que de forma autoguiada _ conta Cruz.

A Indiada Buena, empresa de Bento Gonçalves que promove caminhadas, acampamentos e aventuras em meio à natureza, já tem nove anos de atuação, mas nunca teve tanta procura pelas atividades ao ar livre como nos últimos finais de semana. Além da mudança do comportamento das pessoas, que passaram a valorizar mais os espaços a céu aberto, o aumento da demanda é fruto da reinvenção do negócio.<!-- NICAID(14624076) -->
É possível fazer trilhas em cachoeiras, cânions, ferrovias e atrações de ecoturismo da regiãoFoto: Indiada Buena / Divulgação

A Indiada demarca as trilhas com placas, entrega um mapa para os participantes, e eles vão navegando pelo caminho de forma autônoma. Os profissionais da Indiada fazem a largada, organizam o início do trajeto de forma alternada, em duplas e trios em horários diferentes. E há ainda equipes da empresa divididas em determinados pontos para auxiliar com orientações.

_ Acabei fazendo tudo que fazia antes de uma forma mais eficiente. Assim, conseguimos atender mais pessoas e o feedback que tenho recebido é que está melhor, porque em grupos costuma ser mais barulhento. Muitas pessoas preferem ficar mais reservadas nas trilhas _ avalia o organizador.

Nas incursões de antes da pandemia, a média costumava ser de 15 a 20 pessoas e agora está em 80. Cruz conta que o aumento de público foi gradativo. A primeira caminhada na retomada somou 20 pessoas, depois 40, e as últimas já chegaram a ter mais de 100 pessoas. O recorde de participação está previsto para este domingo, em uma atividade que envolve crianças. A "Indiada Kids", que vai percorrer a Ferrovia do Vinho, o trecho desativado da Maria Fumaça que inclui a antiga Estação Jaboticaba, no interior de Bento Gonçalves, tem 200 inscritos.

Leia também
Entenda por que a inadimplência diminuiu em Caxias em plena crise



 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros