Frei Jaime: a vida necessita de um espaço diário para exercitar a reflexão - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Opinião06/08/2020 | 15h58Atualizada em 07/08/2020 | 08h00

Frei Jaime: a vida necessita de um espaço diário para exercitar a reflexão

É importante ser criativo e organizar a agenda diária para desligar-se do mundo e cuidar, ao menos um pouco, da interioridade

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Com a sensação de que o tempo anda em alta velocidade, vamos acordando para esta sexta-feira, dia 7 de agosto... O final de semana é sempre aguardado, mesmo que as opções estejam limitadas... A torcida para que tudo passe é grande... Mas o mais importante, neste momento, é o cuidado... A vida vale muito, muito, mesmo! Boa sexta-feira! 

"Ocorrerão dias felizes, dias difíceis, dias alegres e dias tristes. Amadurece a tua fé para viver todos eles." 

A vida necessita de um espaço diário para exercitar a reflexão. Os afazeres e compromissos tendem a não diminuir, a curto prazo. É importante ser criativo e organizar a agenda diária para desligar-se do mundo e cuidar, ao menos um pouco, da interioridade. A pessoa que não é realista acaba sofrendo muito, pois quer que tudo seja sempre cem por cento. Se não houvesse tristeza, seria difícil saber o significado da alegria. A gangorra não é apenas mais uma opção, num parque de diversões.                            

Quer ler mais textos do Frei Jaime?
Clique para conferir textos dos colunistas do Pioneiro

Ela mostra uma das facetas da vida, com seus altos e baixos, exigindo flexibilidade e capacidade de adaptação. De um dia para o outro, as lágrimas dão espaço para o riso, as dificuldades se transformam em oportunidades e o que era assustador torna-se até agradável. É praticamente impossível ter o controle total dos fatos e dos acontecimentos, daí a necessidade de trabalhar as reações. A compreensão da importância de cultivar a transcendência pode não ter consenso, mas os estudos científicos, que estão surgindo de todos os lados, mostram o quanto ela tem impactado no processo de humanização. 

O respeito para com as diferentes concepções não deve ser dispensado, mas a cada dia que passa a espiritualidade confirma a sua participação na construção da felicidade. As pessoas que professam convictamente a sua fé suportam as dificuldades, amenizam o sofrimento, secam as lágrimas para fazer o que mais gostam: sorrir. Então, convém que a maturidade contemple também o campo da fé. Quem é maduro espiritualmente não reza somente quando tem que pedir algo urgente, nem deixa de cultivar momentos diários de meditação, mas está sempre pronto para se engajar em obras de caridade e voluntariado. Os dias são sempre únicos, mesmo que a dor tente se aproximar, na tentativa de roubar o sol da esperança e do amor. O segredo é viver intensamente, cultivar a fé e permitir que o amadurecimento seja um processo alegre e contínuo. 

Bênção! Paz & Bem! Santa Alegria! Abraço!     

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros