Escola que funciona há mais de 100 anos no interior de Caxias é fechada  - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Educação14/03/2019 | 15h30Atualizada em 14/03/2019 | 15h30

Escola que funciona há mais de 100 anos no interior de Caxias é fechada 

Prefeitura diz que condições estruturais do prédio impossibilitam andamento das aulas

Escola que funciona há mais de 100 anos no interior de Caxias é fechada  Lucas Amorelli/Agencia RBS
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

Foi oficializada nesta quinta-feira (14) a interrupção das atividades da Escola de Ensino Fundamental (E.M.E.F) Dr. Liberato Salzano Vieira da Cunha, localizada na Linha 40, no interior de Caxias do Sul. A decisão foi publicada no Diário Oficial do município e prevê que o funcionamento seja encerrado em um prazo de cinco anos. Após esse período, a escola pode voltar a funcionar ou ser definitivamente fechada. A instituição contava com 11 alunos e funcionava desde 1910 com turma multisseriada do 1º ao 5º ano e turma de educação infantil.  

Leia mais:
Escola rural que funciona no interior de Caxias desde 1910 será fechada

O fechamento temporário da escola teve parecer favorável do Conselho Municipal de Educação (CME) ainda no mês de novembro do ano passado. Entre as justificativas para o fechamento está a condição precária do prédio, que está com piso comprometido, telhado com infiltrações, necessidade de cercamento da área e de adequações para continuar atendendo a Educação Infantil. 

Como o imóvel não é do município, a prefeitura não pode realizar reformas na estrutura. Conforme o município, se o terreno da escola for adquirido pela prefeitura, existe a possibilidade de as aulas serem retomadas no local. Com o fechamento, os alunos serão realocados para a escola Luiza Morelli, no loteamento Maestra. O transporte dos alunos será financiado pela prefeitura.      

Na mesma edição do Diário Oficial, a prefeitura publicou o fechamento da turma do 6º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Vitório Rech, em Ana Rech. Os alunos serão transferidos para a escola Estadual de Ensino Médio Irmão Guerini.  

Em 2017, foram fechadas três escolas rurais com menos de 10 alunos: a Clóvis Beviláqua, em Fazenda Souza; a Felipe Camarão, em São João da 4ª Légua; e a Antônio Zanini, em Monte Bérico.  

Leia também:
Equipamento que evita a queda de cabelos poderá tratar até quatro pacientes por dia no HG de Caxias
Com nova loja da Havan em Gramado ou Canela, 200 vagas podem ser criadas

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros