Frei Jaime: a preciosidade do coração  - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião 04/12/2018 | 05h00Atualizada em 04/12/2018 | 05h00

Frei Jaime: a preciosidade do coração 

Viver com profundidade é a opção que mais garante estabilidade emocional 

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

Bom Dia! Os dias parecem mais movimentados... o coração é tentado pela agitação... conservar a paz é o segredo... Vamos lá! O tempo é nosso aliado, nada de angústia... Tudo dará certo! 

E a gente vai vivendo e aprendendo que o que temos de mais precioso não é o que nossas mãos alcançam, mas o que nosso coração abraça.” (Lena Monteiro). 

Viver com profundidade é a opção que mais garante estabilidade emocional. A superficialidade é incapaz de formar pessoas resistentes à diversidade de sentimentos e contratempos. A modernidade criou muitas ferramentas e multiplicou diferentes meios. De uma forma ou de outra, o mundo chega, em questão de instantes, aos ouvidos, aos olhos e ao coração de todos. Em outros tempos, as pessoas aguardavam a chegada de uma correspondência para saber detalhes dos fatos. 

As novidades desconheciam a velocidade, as preocupações não invadiam a privacidade, a pressa não roubava a serenidade. O mundo mudou para melhor, a expectativa de vida mostra dados significativos e até as tarefas são menos sacrificadas. As mãos alcançam muitas facilidades, mas o coração nem sempre sabe abraçar o que é essencial. O importante é ir vivendo e aprendendo os segredos, que se misturam com as obrigações diárias. 

Algumas pessoas acabam cansando facilmente, principalmente quando se trata de fazer o bem. Se a tarefa for exigente, o mais indicado é reservar um período para descansar, mas jamais desistir daquele caminho que pode proporcionar inúmeras alegrias. 

O que existe de mais precioso passa pelo coração que, muitas vezes, verte lágrimas de alegria, de satisfação e de amor. As mãos podem sentir a textura, a temperatura, a quantidade e outras características. O coração, é capaz daqueles sentimentos que fogem aos olhos, mas que intensificam o sentido do viver. Bênção! Paz&Bem! Santa Alegria! Abraço!    

Leia também:
Circuito Sesc encerra e com caxienses ganhando destaque
Morto em assalto, gerente de banco havia se transferido para Ibiraiaras em setembro

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros