Segundo semestre concentrou metade dos ataques a unidades bancárias da Serra em 2018 - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Violência14/08/2018 | 18h19Atualizada em 14/08/2018 | 18h19

Segundo semestre concentrou metade dos ataques a unidades bancárias da Serra em 2018

Ao todo, foram 14 furtos e roubos

Segundo semestre concentrou metade dos ataques a unidades bancárias da Serra em 2018 Brigada Militar/Divulgação
Em Nova Pádua, duas agência foram alvos de criminosos na madrugada desta terça-feira (14) Foto: Brigada Militar / Divulgação

 Com o ataque a dois bancos em Nova Pádua, na madrugada desta terça-feira, a Serra chegou a 14 ataques a unidades bancárias em 2018. O número é menor do que os 27 que haviam sido registrados no mesmo período do ano passado. Porém, metade dos crimes de 2018 aconteceram no segundo semestre. 

Leia mais:  
Bandidos explodem caixas eletrônicos em duas agências bancárias de Nova Pádua 

Em julho, três municípios foram alvos de assaltantes de bancos. Em Jaquirana, na tarde do dia 5, dois bancos foram assaltados, além de uma lotérica e um posto de combustíveis. Em 15 de julho, um caixa eletrônico do Banrisul, localizado em uma sala anexa à subprefeitura de Mato Perso, no interior de Flores da Cunha, foi danificado com o uso de maçarico. 

Farroupilha foi alvo duas vezes em julho, com o uso de explosivos. O primeiro caso foi na madrugada de 21 de julho contra uma agência do Banrisul. Uma semana depois, na madrugada de 28 de julho, um caixa eletrônico localizado dentro de um posto de combustíveis foi atacado. Um suspeito do crime foi preso no interior do município de Dilermando de Aguiar, na região central do Estado, no fim de semana.

Em todo o ano passado, 33 unidades bancárias foram atacadas na região. Número menor do que o de 2016, com 58 casos. Além dos 14 ataques na Serra, em 2018 ocorreram mais dois ataques em Vale Real, já no Vale do Caí, mas no limite com a Serra.

Nova Pádua

No ataque da madrugada desta terça em Nova Pádua, quatro criminosos chegaram em um carro, em princípio, um Fusion preto, e atiraram na porta da agência do Banrisul. Conforme a polícia, eles colocaram explosivos nos caixas eletrônicos tanto do Banrisul quanto do Banco do Brasil, mas não conseguiram levar dinheiro dos terminais. A polícia suspeita que o veículo utilizado pelos criminosos tenha sido roubado em Caxias no fim de semana. Até o fim da manhã desta terça, o carro ainda não havia sido localizado, bem como os criminosos.

Também na madrugada desta terça, mas por volta das 2h30min, duas agências bancárias foram atacadas com explosivos no município de Vila Nova do Sul, na região Central. Os crimes em Nova Pádua não estão relacionados com os de Vila Nova do Sul.

Leia também:
Autor confesso de estupro e morte de Naiara irá a júri popular em Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros