Polícia prende foragido pela 13ª vez em 13 anos, em Caxias - Polícia - Pioneiro

Criminalidade09/01/2018 | 20h07Atualizada em 10/01/2018 | 12h00

Polícia prende foragido pela 13ª vez em 13 anos, em Caxias

Desde 2011, apenado aproveita as saídas temporárias dos regimes semiaberto e aberto e não retorna para o Instituto Penal

Polícia prende foragido pela 13ª vez em 13 anos, em Caxias Divulgação/
Dioglas da Silva Rodrigues Foto: Divulgação

Pela 13ª vez nos últimos 13 anos, Dioglas da Silva Rodrigues, 30 anos, foi detido pela polícia em Caxias do Sul. Com antecedentes por roubo a pedestre, assalto a estabelecimento comercial e porte ilegal de arma, o apenado é mais um exemplo das falhas do sistema de execução penal e do sentimento de impunidade que preocupa a população. Rodrigues possui uma pena total de 10 anos, 4 meses e 20 dias.

Leia mais
Homem é indiciado por morte de morador de rua na Praça Dante, em Caxias
Jovem é assassinado a tiros em Vacaria

A prisão mais recente ocorreu no início da tarde de segunda-feira (8), quando brigadianos faziam patrulhamento na Rua Vinte de Setembro e reconheceram Rodrigues. Na abordagem, os PMs consultaram o sistema e confirmaram: o apenado havia fugido do sistema penitenciário mais uma vez.

Rodrigues deixou o Instituto Penal, o albergue prisional, pela última vez no dia 10 de dezembro de 2017, quando cumpria uma condenação em regime aberto. O apenado é morador do bairro Primeiro de Maio e não possui profissão declarada.

Apesar do uso de arma de fogo, Rodrigues não é considerado um criminoso violento e, de acordo com o Poder Judiciário, já cumpriu sua sentença em regime fechado. O problema é que o apenado não cumpre com as obrigações nos regimes semiaberto e aberto. Desde 2011, ele aproveita as saídas temporárias e não retorna para o Instituto Penal, passando assim para a condição de foragido. Assim, Rodrigues não cumpre a pena na totalidade e não se desliga do sistema penitenciário.

A primeira entrada de Rodrigues no sistema penitenciário ocorreu em 10 de dezembro de 2005, quando ele foi flagrado com uma arma de fogo na Avenida Mário Lopes, no bairro Santa Fé. Na ocasião, ele foi libertado no mesmo dia. Menos de três meses depois, em 18 de março de 2016, Rodrigues foi ser preso por assaltar um estabelecimento comercial do bairro Cruzeiro e permaneceu recolhido até janeiro de 2010. Após, iniciou uma sequência em que Rodrigues é detido em todos os anos. 

IDAS E VOLTAS À CADEIA

Preso em 25 de novembro de 2010
Liberado em 26 de novembro de 2010 

Preso em 29 de abril de 2011
Liberado em 14 de julho de 2011

Preso em 13 de outubro de 2011
Não se reapresentou ao Instituto Penal em 22 de dezembro de 2011
Foi recapturado em 24 de dezembro de 2011

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 19 de fevereiro de 2012
Foi recapturado em 29 de fevereiro de 2012 

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 22 de agosto de 2013
Se reapresentou espontaneamente em 23 de agosto de 2013

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 16 de setembro de 2013
Foi recapturado em 3 de outubro de 2013 

Fugiu do sistema penitenciário em 12 de junho de 2014
Foi recapturado em 15 de junho de 2014

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 7 de março de 2015
Foi recapturado em 28 de abril de 2015 

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 4 de dezembro de 2015
Foi recapturado em 18 de dezembro de 2015 

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 10 de maio de 2016
Foi recapturado em 24 de maio de 2016 

Não se reapresentou ao Instituto Penal em 23 de novembro de 2017
Foi recapturado em 7 de dezembro de 2017 

Fugiu do sistema penitenciário em 10 de dezembro de 2017
Foi recapturado em 8 de janeiro de 2018

Leia também
Promoções impulsionam vendas nas lojas de Caxias
Câmara de Vereadores de Caxias transmite sessões ao vivo pelo Facebook

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros