Polícia procura dupla que abandonou Fórum durante julgamento que os condenou - Polícia - Pioneiro

Justiça28/11/2017 | 16h19Atualizada em 28/11/2017 | 17h51

Polícia procura dupla que abandonou Fórum durante julgamento que os condenou

Os dois réus respondiam ao crime em liberdade mas, na sentença, juíza determinou prisão preventiva

Alex Júnior Bavaresco Lima, 26 anos, e William Yuri Fonseca da Costa, 23, foram condenados pela Justiça a 16 e a 14 anos de reclusão, respectivamente, pela morte de Graciela Monteiro Teixeira, 33. Para o estabelecimento das penas, foram consideradas as qualificadoras de meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima. Mas, o júri que ocorreu na última sexta-feira, no Fórum de Caxias do Sul teve um desdobramento curioso.

No momento da sentença, a juíza Milene Fróes Rodrigues Dal Bó, da Vara de Execuções Criminais (VEC) também determinou a prisão preventiva dos réus, que, até então, respondiam ao processo em liberdade.

Ocorre que, a dupla deixou a sessão antes do final do julgamento e, portanto, acabou não sendo presa. Agora, caberá à Polícia Civil cumprir os mandados de prisão expedidos contra eles.

Além de Lima e Costa, Júnior de Vargas Machado, 30 anos, também foi condenado e recebeu pena de 16 anos de reclusão. 

Relembre o caso

O crime aconteceu em outubro de 2014. O corpo da vítima foi encontrado na Estrada do Imigrante (que leva à localidade da 3ª Légua) com as mãos decepadas e a pele do rosto retirada. A investigação apontou que Graciela foi morta por golpes de facão, devido a uma desavença envolvendo dinheiro.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros