Peritos ainda tentam identificar homem assassinado no bairro Jardelino Ramos, em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Investigação11/08/2017 | 16h19Atualizada em 11/08/2017 | 17h07

Peritos ainda tentam identificar homem assassinado no bairro Jardelino Ramos, em Caxias do Sul

A suspeita é que a vítima não é natural do Rio Grande do Sul

Peritos ainda tentam identificar homem assassinado no bairro Jardelino Ramos, em Caxias do Sul Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Crime ocorreu na Rua Luis Ceconello, quase esquina com a Rua Ernesto Alves Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A Polícia Civil e a 2ª Coordenadoria Regional de Perícias (2ª CRP) ainda tentam identificar o homem morto com tiro nas costas no bairro Jardelino Ramos, em Caxias do Sul, no dia 28 de julho. A suspeita é que a vítima não seja do Estado. Os peritos apontam que ele é um homem branco, entre 30 e 40 anos e possui uma tatuagem escrita Maria Nair no antebraço esquerdo.

Quem conhecer uma pessoa desaparecida com estas características deve procurar o Departamento Médico Legal (DML) na Rua Quintino Bocaiúva, junto a Universidade de Caxias do Sul, ou pelo telefone (54) 3212.4199.

Leia mais
Motorista é detido com maconha e R$ 18 mil na BR-116, em Vacaria
Foragido da Justiça é preso por roubo a transporte coletivo em Caxias do Sul
Jovem sofre tentativa de homicídio no bairro Euzébio Beltrão de Queiróz

O homicídio ocorreu na Rua Luis Ceconello, quase esquina com a Rua Ernesto Alves, por volta das 9h40min, quando um carro branco se aproximou do pedestre e um tiro foi ouvido. A vítima caiu e o veículo saiu em disparada. Junto ao corpo, peritos encontraram um cachimbo de crack.

 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros