Idoso é baleado durante roubo de caminhonete e três suspeitos são presos em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Resposta policial31/08/2017 | 09h08Atualizada em 31/08/2017 | 14h39

Idoso é baleado durante roubo de caminhonete e três suspeitos são presos em Caxias do Sul

Ação da BM recuperou outros dois automóveis em situação de roubo ou furto

Idoso é baleado durante roubo de caminhonete e três suspeitos são presos em Caxias do Sul Brigada Militar / Divulgação/Divulgação
Foto: Brigada Militar / Divulgação / Divulgação

Um idoso foi baleado durante um roubo de veículo em Caxias do Sul na noite de quarta-feira. Acionada, a Brigada Militar (BM) abordou uma BMW com três suspeitos e descobriu o esconderijo dos assaltantes. Na residência do bairro Santa Fé, além da caminhonete Hillux do idoso, foram recuperados outros dois automóveis em situação de furto ou roubo.

A vítima, Adão Marques da Silva, 70 anos, foi atingida por um tiro que transfixou seu braço e acertou seu peito. Na manhã desta quinta-feira, ela seguia internada em observação no Hospital Pompéia. Seu quadro era considerado estável.

Leia mais
Polícia Civil recupera dois veículos roubados em Caxias do Sul e investigado é preso com pistola
Polícia Civil prende mais uma pessoa por possível envolvimento em esquartejamento em Caxias
Brigada Militar de Caxias escolhe o nome dos dois novos cães do canil

Conforme informações da BM, o assalto ocorreu por volta das 21h30min na Rua Atílio Andreazza, no bairro Sagrada Família. Marques, que é ex-diretor do Esporte Clube Juventude, transitava na caminhonete quando foi atacado por dois criminosos que desembarcaram de outro automóvel. 

O empresário relata que estava no carro junto com um funcionário, que dirigia a Hillux. Os dois estavam chegando de viagem naquela hora. O empresário, então, percebeu que um carro se aproximava muito rápido. O veículo cortou a frente da caminhonete. Imediatamente, três homens desceram do carro. 

— Eles atiraram no carro quando viram que eu tinha arma. Acho que deram dois ou três tiros. Um acabou atingindo o meu braço. Quando atingiu o meu braço, levei um choque muito grande e acabei largando a arma — relata o empresário.

Assim que Marques foi baleado, os ladrões tiraram o motorista da caminhonete. Em seguida, o empresário foi retirado. Depois, os bandidos entraram no veículo e foram embora. A pistola calibre .380, que Marques possuía desde a década de 1980, foi levada junto a Hillux e não foi recuperada pela BM. 

A expectativa é que Marques receba alta médica do Hospital Pompéia ainda na tarde desta quinta-feira. 

Buscas resultam em prisão

Durante as buscas, policiais militares abordaram uma BMW preta com três tripulantes ainda na Rua Atílio Andreazza, só que na altura no bairro Parque Oásis. O veículo não estava em situação irregular, mas durante a revista foi encontrado um documento de identidade de, possivelmente, uma vítima de crime.

Nas diligências sobre o trio e o roubo da Hillux, os PMs chegaram até uma residência na Rua Hermes Fontes, no bairro Santa Fé, onde foi encontrada a caminhonete de Adão e outros dois veículos em situação de roubo ou furto, motocicleta Honda preta e um Kangoo.

Na casa, ainda foi encontrada uma carga de cigarros roubada, um carregador de pistola e um documento de porte de arma em nome de Adão Marques da Silva, a vítima baleada na mesma noite. Nenhuma arma foi encontrada pelos policiais, o que leva a crer que há mais envolvidos na suposta quadrilha.

Foi dada voz de prisão por receptação à Lucas Nunes Pedroso, 20, Maikel Willian Hofman da Silva, 18, e Paulo Ricardo Silva Menegat, 29. Eles foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para lavratura do flagrante. 


 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros