Homem é esfaqueado ao tentar conter ex-companheiro que agredia mulher na rodoviária de Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Crime23/08/2017 | 15h37Atualizada em 23/08/2017 | 18h51

Homem é esfaqueado ao tentar conter ex-companheiro que agredia mulher na rodoviária de Caxias do Sul

Ele foi ferido com um canivete ao tentar intervir em um caso de Lei Maria da Penha

Pioneiro
Pioneiro

Um homem foi esfaqueado ao tentar intervir em um caso de Lei Maria da Penha na tarde desta quarta-feira, na rodoviária de Caxias do Sul. Uma mulher era ameaçada por um ex-companheiro e a vítima tentou defendê-la. Yuji Kawano, 38 anos, foi esfaqueado no peito e teve cortes no braço e rosto.

O ex-companheiro estava alterado e, mesmo com a presença da Brigada Militar (BM), tentou atacar outros populares que estavam no local. Foi necessário o uso moderado da força para conter Paulo Jaime Marques Didolich, 58 anos. Ele foi preso em flagrante por tentativa de homicídio. O canivete utilizado nas agressões foi apreendido.

Leia mais
Mulher sofre tentativa de homicídio no bairro Charqueadas, em Caxias 
Famílias que vão morar no Rota Nova, em Caxias, assinam contrato
Último suspeito de furto à Delegacia de Polícia de Nova Prata é preso


O alvo do ataque era Patrícia Pistori, 45 anos. Ela é ex-companheira de Didolich e possui medida protetiva contra o acusado. Na briga, ela sofreu um corte superficial na mão esquerda. Uma amiga que estava com Patrícia também foi registrada como vítima do ataque na rodoviária.

Kawano foi internado no Hospital Pompéia e seu quadro exigia cuidados. 

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros