Polícia Civil investiga estupro de adolescente em saída de escola de Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Violência sexual06/06/2017 | 14h20Atualizada em 06/06/2017 | 14h24

Polícia Civil investiga estupro de adolescente em saída de escola de Caxias do Sul

Com uma faca, homem obrigou jovem a entrar em um carro e a molestou

Pioneiro
Pioneiro

A Polícia Civil de Caxias do Sul abriu investigação sobre o estupro de uma adolescente de 15 anos na noite de segunda-feira. O caso foi denunciado pela mãe da vítima. A jovem teria sido atacada quando deixava uma escola no bairro Exposição, por volta das 22h50min.

Leia mais
Três são indiciados por mortes em briga generalizada em São José dos Ausentes
Polícia prende homem por tráfico de drogas em Caxias

Devido ao ataque e as ameaças do estuprador, a adolescente estava nervosa e teve dificuldades de relatar o crime aos policiais civis. A jovem apresentava lesões no pescoço e na região do colo.

O relato é que a jovem deixava a escola quando foi abordada por um homem com uma faca. O criminosos obrigou a adolescente a embarcar em um carro e dirigiu até uma rua de pouco movimento, onde a molestou. Após algum tempo, a vítima conseguiu abrir a porta e fugir. A adolescente caminhou até em casa para pedir socorro à mãe.

O caso é investigado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). O delegado Joigler Paduano comenta que este tipo de caso é preocupante, mas não é comum na cidade.

— Qualquer tipo de ato libidinoso é enquadrado como estupro. A maioria dos casos o autor é conhecido, é raro de vítimas serem atacadas nas ruas. Neste ano tivemos apenas um registro (contra menores de idade), mas esclarecemos a autoria e que era uma pessoa conhecida (da vítima). Esta investigação está em fase final — aponta.

 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros