Morre homem que matou ex-companheira na rodoviária de Caxias  - Polícia - Pioneiro

No Pompéia08/06/2017 | 13h59Atualizada em 08/06/2017 | 13h59

Morre homem que matou ex-companheira na rodoviária de Caxias 

Ivan Antunes Carneiro, de 36 anos, não aceitava o fim do relacionamento 

O homem que matou a ex-companheira com um tiro na rodoviária de Caxias do Sul morreu na tarde de quarta-feira no Hospital Pompéia. Ivan Antunes Carneiro, de 36 anos, estava na UTI e morreu às 17h. As informações são da Gaúcha Serra.

Leia mais
Mulher baleada na rodoviária de Caxias morre no Hospital Pompéia
Antes de ser morta por ex-companheiro na rodoviária de Caxias, empresária pediu socorro ao irmão por mensagem

Ele baleou na cabeça a ex-companheira, Sandra Mara da Rosa Borges, de 41 anos, na tarde da última sexta-feira e, em seguida, tentou se matar também com um tiro na cabeça. Sandra morreu logo depois no Hospital Pompéia e Carneiro permaneceu hospitalizado.

O homem não aceitava o fim do relacionamento de três anos, que terminou há cinco meses. A mulher possuía medida protetiva contra o ex-companheiro.

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros