Ladrão teria matado idoso para roubar R$ 21 mil, em Campestre da Serra - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Latrocínio08/07/2016 | 15h55Atualizada em 08/07/2016 | 16h01

Ladrão teria matado idoso para roubar R$ 21 mil, em Campestre da Serra

Dinheiro ficava guardado em um móvel da sala

Os primeiros indícios apontam que Valdomiro Tavares, de 78 anos, foi vítima de latrocínio (roubo com morte) em Campestre da Serra. A hipótese da Polícia Civil é que os bandidos sabiam que o idoso guardava R$ 21 mil em um móvel de sua sala, pois nenhum outro objeto de valor foi levado. A vítima foi encontrada morta em seu quarto na manhã desta sexta-feira.

Leia mais
Idoso é encontrado morto com sinais de espancamento, em Campestre da Serra
Polícia Civil investiga pichação em escola de Vacaria
Homem admite ter matado filho em Caxias do Sul
Casal é flagrado com veículo roubado e cigarros de contrabando, em Caxias
Polícia Civil conclui que criança não atirou em pai, em Muitos Capões

O crime foi descoberto após um vizinho perceber que a porta da residência do idoso, que fica na área central da cidade, estava arrombada. Policiais militares encontraram os cômodos revirados e a vítima na cama. A primeira análise dos peritos apontou para morte por traumatismo craniano.

— Foram encontrados sinais de, pelo menos, três golpes contundentes na cabeça. Em princípio, é um latrocínio. Porém, é um caso bem intrigante. Crime em uma cidade pequena onde ninguém costuma andar à noite. Se queriam apenas dinheiro, por que matar o idoso?  — questiona o delegado Carlos Alberto Defaveri, que responde por Campestre.

A investigação ainda precisa apurar se houve a participação de um ou mais assaltantes no crime. Não foi relatada nenhuma desavença do idoso. A perícia não localizou nenhum objeto que possa ter sido utilizado como arma.

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros