Perícia não encontra indícios de pólvora na mão de idosa que confessou ter matado bandido em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Investigação09/10/2012 | 11h33Atualizada em 09/10/2012 | 18h47

Perícia não encontra indícios de pólvora na mão de idosa que confessou ter matado bandido em Caxias do Sul

Resultado sugere que mulher não seria a autora dos disparos contra o assaltante

Perícia não encontra indícios de pólvora na mão de idosa que confessou ter matado bandido em Caxias do Sul Maicon Damasceno/
Assaltante foi morto com três tiros Foto: Maicon Damasceno

Peritos do Instituto Geral de Perícia (IGP) não encontraram indícios de pólvora na mão da idosa de 87 anos que confessou ter matado um bandido em junho deste ano, em Caxias do Sul.

De acordo com a investigação, a mulher teria efetuado três disparos com um revólver calibre 32, que deixaria grande quantidade de pólvora na mão de quem o manuseia. Após a perícia, no entanto, não foi encontrada a substância na mão da idosa, o que poderia ser um indício de que ela não seria a autora dos tiros. Além disso, outra linha de investigação analisa se havia outra pessoa na residência no momento da morte.

O delegado Joigler Paduano, que assumiu o caso na época, disse que se pronunciará apenas após a conclusão do inquérito. Familiares afirmam que foi a idosa quem matou o assaltante.

RÁDIO GAÚCHA SERRA

Notícias Relacionadas

Reação inesperada 11/06/2012 | 04h56

"Me defendi e atirei", diz idosa que matou assaltante em Caxias do Sul

Bandido foi morto com três tiros após invadir a residência dela no centro da cidade

Insegurança 09/06/2012 | 18h17

Mulher de 87 anos mata homem a tiros no centro de Caxias do Sul

Ele invadiu a residência dela na esquina entre as ruas Do Guia Lopes e Sinimbu

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros