Mais de 600 exames na rede pública são oferecidos para diagnosticar câncer de mama em Caxias do Sul - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Outubro Rosa07/10/2020 | 10h26Atualizada em 07/10/2020 | 11h26

Mais de 600 exames na rede pública são oferecidos para diagnosticar câncer de mama em Caxias do Sul

Mulheres podem realizar preventivo e agendar revisão das mamas nas UBSs

Mais de 600 exames na rede pública são oferecidos para diagnosticar câncer de mama em Caxias do Sul Mateus Bruxel/Agencia RBS
Em Caxias do Sul, exames preventivos e revisão das mamas podem ser agendados nas UBSs Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

Outubro é, tradicionalmente, o mês em que mais se fala sobre a prevenção e a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama no Brasil. A doença, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), provoca cerca de 66 mil novos casos para cada ano do triênio 2020-2022. O INCA também estima em torno de 17 mil mortes no país para este ano. No mundo, o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres: em 2018, foram 2,1 milhões de diagnósticos, número correspondente a 11,6% de todos os cânceres estimados. Segundo o oncologista Lucas Sant'Ana, este tipo de câncer chega a acometer de 8 a 10% das mulheres em algum momento da vida.

Leia mais
Campanha de prevenção ao câncer de mama terá ações diárias nas UBSs de Caxias do Sul

No ano passado, em Caxias do Sul, 56 mulheres morreram em decorrência do câncer de mama, sendo 19 delas acima dos 70 anos de idade. 11 estavam na faixa etária de 60 a 69 anos e outras 11 entre 40 e 49 anos. De acordo com Vanessa Bosi de Lima Almeida, diretora técnica da Saúde da Mulher, já são 15 diagnósticos confirmados no município neste ano, além de outros em investigação.

Para alertar sobre o tema, a prefeitura de Caxias está programando atividades alusivas ao mês. Em virtude das medidas de distanciamento provocadas pela pandemia, o foco está nas UBSs e na oferta de exames. 500 mamografias e 128 ecografias mamárias a mais, em comparação ao mês de setembro, foram oferecidas à população. As mulheres que forem até as unidades de saúde para realizar o preventivo (que detecta câncer de colo de útero) e agendar a revisão das mamas receberão uma máscara rosa, confeccionada pelo Banco do Vestuário. Outro incentivo da Saúde da Mulher é a promoção do autoexame, passo importante no diagnóstico precoce da doença:

 — A mama deve ser examinada uma vez por ano por um profissional, mas a mulher pode fazer o autoexame mensalmente. Espera passar o ciclo menstrual, se ainda menstrua, observa sua mama. Algum inchaço, irritação, nódulo, alguma dor que não alivia após o ciclo menstrual, mamilo que não era invertido e passou a ser invertido e vermelhidão podem ser sinais de que é preciso um diagnóstico mais precoce. Se o diagnóstico for precoce, tem 90% de chance de cura — alertou Vanessa em entrevista ao Gaúcha Hoje da Gaúcha Serra no sábado (2). 

Conforme a diretora, a mamografia deve ser feita anualmente em mulheres acima de 40 anos. Em Caxias, a partir desta idade, o exame é oferecido pelo SUS. Contudo, quem tem caso na família ou alguma alteração genética deve fazer o rastreamento a partir dos 30 ou antes.

Live gratuita vai debater o tema

Nos dias 27 e 28 de outubro, a partir das 19h, uma transmissão ao vivo em parceria com a UCS abordará a prevenção, o tratamento, cuidados pós-operatórios, imagem corporal e sexualidade, entre outros assuntos. O acesso é gratuito e pode ser feito por meio deste link.

Leia também
Cidades da Serra já planejam a decoração natalina deste ano
Conheça o novo projeto da cantora Rhay Santos em Caxias
Acidente deixa seis feridos no centro de Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros