Casos ativos de covid-19 em Caxias do Sul aumentam e fiscalização será reforçada - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Pandemia17/10/2020 | 12h37Atualizada em 17/10/2020 | 12h37

Casos ativos de covid-19 em Caxias do Sul aumentam e fiscalização será reforçada

Prefeitura promete intensificar combate às aglomerações

Casos ativos de covid-19 em Caxias do Sul aumentam e fiscalização será reforçada Secretaria Municipal de Urbanismo/Divulgação
Dois estabelecimentos foram interditados durante ação da prefeitura entre a noite desta sexta-feira e a madrugada deste sábado Foto: Secretaria Municipal de Urbanismo / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

O número de casos ativos de covid-19 voltou a subir em Caxias do Sul. No início do mês, eram 472 pessoas com o vírus ativo; quinze dias depois, já são 914 tratamento. Conforme a prefeitura de Caxias, o descumprimento das medidas de segurança para o enfrentamento da pandemia está entre os principais fatores para o crescimento dos casos.

Leia mais
Números demonstram que o pior da pandemia ainda não encerrou em Caxias do Sul

Por isso, a administração municipal irá intensificar as fiscalizações para combater as aglomerações e outras discordâncias nos decretos municipais e estaduais. Na noite desta sexta-feira (16) e madrugada de sábado, por exemplo, dois estabelecimentos da cidade foram interditados durante ação da Fiscalização da Secretaria do Urbanismo por não cumprirem as regras.

Os locais interditados são um restaurante e um bar e foram fechados em virtude de aglomerações. Conforme a assessoria de imprensa da prefeitura, todas as mesas estavam ocupadas e não havia distanciamento mínimo exigido entre elas no momento da fiscalização. Além disso, o horário de funcionamento não foi respeitado — o decreto municipal não permite atendimento após as 23h.

Dos estabelecimentos que receberam auto de infração, um fica na Avenida São Leopoldo. Nele, as mesas estavam todas ocupadas, as pistas de boliche estavam sendo usadas sem alternância e havia aglomeração na entrada. O outro fica na Rua Jacob Luchesi e também estava com todas as mesas ocupadas. Havia aglomeração na entrada, músicos e uso da calçada.

A ação dispersou ainda cerca de 60 pessoas que estavam na Lagoa do Rizzo.

Leia também
Em oito anos, mais de 7 mil casos de sífilis foram registrados em Caxias do Sul
Identificados jovens que morreram em acidentes na Serra neste sábado
Terceiro acidente com morte é registrado na Serra neste sábado

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros