Primavera será marcada por chuvas irregulares na Serra e em grande parte do RS - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Clima21/09/2020 | 19h47Atualizada em 21/09/2020 | 19h47

Primavera será marcada por chuvas irregulares na Serra e em grande parte do RS

A estação se inicia nesta terça-feira (23) e terá atuação do fenômeno La Niña

Primavera será marcada por chuvas irregulares na Serra e em grande parte do RS Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A primavera que se inicia na manhã desta terça-feira (22) não terá a forte presença de chuvas na Serra gaúcha, como ocorre normalmente na estação. O fato se deve a atuação do fenômeno La Niña, que causa o resfriamento das águas do Oceano Pacífico equatorial.

O Rio Grande do Sul, que se encontra ainda em alerta por conta da estiagem dos últimos meses, deverá continuar com volumes de chuva abaixo da média até o verão, segundo a meteorologista Cátia Valente, da Somar Meteorologia. Por outro lado, existe a perspectiva de  que as precipitações poderão ser mais intensas em períodos relativamente curtos, ocasionando temporais.

Leia mais
Geada tardia afeta parreirais na região da Serra

— Isso não é bom porque a estação da primavera é a mais chuvosa aqui no Estado e é quando se tem a grande recuperação das chuvas que não são tão abundantes no inverno. Neste inverno, as chuvas ficaram bem espaçadas, tivemos poucos eventos e em grande parte do Rio Grande do Sul não houve recuperação da estiagem, que foi extremamente longa — explica a meteorologista.

Apesar da falta de chuvas frequentes, a temperatura no decorrer da primavera deve se manter dentro da média na Serra. Os próximos meses serão marcados por uma temperatura mais amena na parte da manhã e mais quente no período da tarde.

A chegada da estação das flores na Serra gaúcha, nesta terça-feira (22), terá a cara do inverno, com a presença do frio pela manhã. De tarde, o tempo fica mais agradável, podendo chegar aos 17ºC. No entanto, o frio retorna à noite e persiste até a quarta-feira (23), quando os ventos voltam a soprar do norte e a temperatura tende a subir rápido. A previsão é de que na sexta-feira (25) a instabilidade na temperatura retorne na Serra.

Leia também
Morador da Serra reforma Kombi para superar rotina imposta pelo câncer
Mesmo com autorização dos municípios, parte das escolas da Serra adia volta às aulas do Ensino Médio
No Dia de Luta da Pessoa com Deficiência, conheça a história de Licilene que encara desafios diários em Caxias 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros