Hospital Virvi Ramos realiza a 14ª transfusão de plasma convalescente - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Luta contra o coronavírus12/07/2020 | 21h28Atualizada em 12/07/2020 | 21h28

Hospital Virvi Ramos realiza a 14ª transfusão de plasma convalescente

Homem, de 31 anos, que testou positivo para a covid-19 recebeu o tratamento neste domingo (12)

Hospital Virvi Ramos realiza a 14ª transfusão de plasma convalescente Thiago Rodrigues/Divulgação
Foto: Thiago Rodrigues / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

O Hospital Virvi Ramos, de Caxias do Sul, realizou mais uma transfusão de plasma convalescente neste domingo (12). Um homem de 31 anos é o 14º paciente a receber esse tipo de tratamento contra o coronavírus. Até o momento, dois pacientes que receberam essa intervenção já receberam alta, nove estão hospitalizados e três faleceram.

Leia mais
Hospital de Caxias realiza a 11ª transfusão de plasma convalescente
Hospital de Caxias chega a 10 transfusões de plasma convalescente

O paciente é natural de Caxias e está internado na UTI do hospital desde o dia 10 de julho. Ele não possui histórico de outras enfermidades e respira sem ajuda da ventilação mecânica. O homem recebeu duas bolsas de plasma, de 198ml e 200ml.

O plasma foi coletado pelo Hemocentro Regional de Caxias do Sul (Hemocs) no dia 02 de julho. O doador é o médico urologista e cirurgião geral Márcio Araldi, 36 anos, natural de Caxias do Sul, que está recuperado da doença desde o início de junho.

— Em meados de maio fui acometido com a doença. Cheguei a internar em hospital, mas não necessitei de terapia intensiva. Felizmente tive uma rápida evolução. Quero reforçar que a doação de plasma não prejudica nossa saúde. É um processo bastante rápido e praticamente sem efeitos colaterais. Além disso, é um gesto de amor e carinho com aqueles pacientes em estado grave — afirma o doador.

Até o momento, o Hemocs já recebeu mais de 60 candidatos, de cidades como Porto Alegre, São José do Herval, Caxias do Sul e Garibaldi. O Hemocs faz triagem e coleta dos interessados e as destina aos hospitais que tiverem protocolo de estudo para uso. Em Caxias do Sul, apenas o Virvi Ramos está habilitado até o momento, inclusive com projeto aprovado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP). Para realizar a transfusão, é preciso autorização da família do paciente contaminado pelo coronavírus.

Leia também
Amesne diz que a Serra controla o avanço da pandemia
Prefeitura de Caxias do Sul confirma 30ª morte causada por coronavírus
Presidente do partido de Daniel Guerra revida prefeito e vice de Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros