Governo do Estado mantém bandeira vermelha para a macrorregião da Serra Gaúcha - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Não mudou20/07/2020 | 17h28Atualizada em 20/07/2020 | 17h28

Governo do Estado mantém bandeira vermelha para a macrorregião da Serra Gaúcha

Ainda assim, 26 cidades da região poderão manter os critérios de bandeira laranja

Governo do Estado mantém bandeira vermelha para a macrorregião da Serra Gaúcha Governo do RS / Reprodução/Reprodução
Foto: Governo do RS / Reprodução / Reprodução
Pioneiro
Pioneiro

O recurso dos municípios da Serra Gaúcha, pedido pela Amesne, não foi aceito pelo Comitê de Crise do Governo do Estado. Com isso, a macrorregião Caxias do Sul está mantida em bandeira vermelha pela segunda rodada consecutiva, que prevalecerá até o dia 27 de julho. Ainda assim, 26 cidades da região poderão manter os critérios do distanciamento laranja, por não terem registrado óbitos até a sexta-feira em que foi realizada a rodada.

Leia mais
Secretário da saúde de Caxias do Sul diz que nenhuma cidade vetou jogos por questões técnicas sanitárias
Caxias do Sul planeja nova ampliação e entrega de mais dez leitos de UTI nas próximas semanas

A permanência se explica pelos números. O percentual de ocupação nos leitos de UTI subiu para 72,5% até a última quinta-feira (16) - e  chegou nesta segunda-feira a 81,4%. Além disso, a disponibilidade de leitos de UTI, que estava em 0,9 leito livre para cada vaga ocupada por paciente positivo de covid, e a projeção de 26 mortes a partir de 28 de julho mantiveram o alerta para o Governo. São quesitos que validam o regramento mais rígido para a região de Caxias.

Desta vez, o Governo aceitou o recurso de 10 regiões do Estado, que retornam à bandeira laranja. Assim, apenas oito divisões seguem com regramento mais rígido. No entanto, essas regiões correspondem a 63,6% da população gaúcha.

FICAM EM REGRAMENTO LARANJA

Alto Feliz, Antônio Prado, Boa Vista do Sul, Bom Jesus, Campestre da Serra, Coronel Pilar, Esmeralda, Fagundes Varela, Ipê, Jaquirana, Linha Nova, Monte Alegre dos Campos, Monte Belo do Sul, Muitos Capões, Nova Basano, Nova Pádua, Nova Petrópolis, Nova Roma do Sul, Paraí, Pinhal da Serra, Pinto Bandeira, Santa Tereza, São Vendelino, Vale Real, Vila Flores e Vista Alegre do Prata.

Esse regramento foi com base nos dados até quinta-feira (16). Por isso, o município de Antônio Prado segue com essa possibilidade, mesmo tendo um óbito.

Leia também
Fazer ou não fazer lockdown
Mais de 27% dos bairros de Caxias do Sul já registraram morte por coronavírus 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros