Banco de Sangue de Caxias do Sul precisa de doações - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Sangue26/06/2020 | 14h31Atualizada em 26/06/2020 | 14h31

Banco de Sangue de Caxias do Sul precisa de doações

Estoque dos tipos sanguíneos estão abaixo dos 50%

Banco de Sangue de Caxias do Sul precisa de doações Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Banco de Sangue de Caxias do Sul precisa de doações de qualquer tipo sanguíneo. Os estoques  estão com um volume menor que 50%, uma quantia considerada abaixo do ideal de reserva. Segundo a gerente de captação Franciele Roso desde que a pandemia teve início em Caxias no mês de março, junho foi o mês em que houve a pior queda de doações.

De acordo com Franciele, a diminuição expressiva se deve porque com a permanência de Caxias durante uma semana na bandeira vermelha de distanciamento controlado do Estado fez com que as pessoas não procurassem a unidade. Para se ter uma ideia, somente neste mês, o número de agendamentos caiu em 30%.

– Junho é sempre o mês mais desafiador porque chega o inverno e as pessoas têm a tendência de não virem. Com não estava fazendo tanto frio nas duas primeiras semanas de junho, a gente conseguiu bater a meta de agendamentos. Mas na semana passada com a bandeira vermelha despencou bastante (o atendimento) – explica.

O Banco de sangue fica na Rua Garibaldi, 476, Centro. O atendimento é de segunda-feira à sexta, das 8h às 18h, e nos sábados, das 7h30min às 12h. Entretanto, a partir de julho, o funcionamento durante a semana será estendido, das 7h30min às 13h30min. Conforme Franciele, a alteração acontece devido as mudanças realizadas nos horários dos voos das companhias aéreas de Caxias, no qual o Banco de Sangue depende para transportar as coletas e realizar exames laboratoriais.

– De qualquer forma, avaliamos que pode ser uma boa opção aos voluntários que desejam doar sangue antes de iniciar o dia de trabalho – comenta.

Doadores que chegarem ao local sem agendar horário não serão impedidos de fazer a doação, entretanto é importante que um contato prévio seja feito pelo telefone (54) 3027-8600 ou pelo Whatsapp: (54) 99113-4710. Para as empresas que quiserem contribuir, podem agendar um horário para a ação Kombosa do Bem. Uma iniciativa desenvolvida para facilitar o deslocamento de várias pessoas de um mesmo local até o Banco. O transporte, realizado com uma Kombi faz viagens gratuitas com grupos de até quatro pessoas.

Para evitar aglomeração no local, houve divisão das salas de coleta, de espera e de lanche. Além disso, há a higienização das poltronas e disponibilização de álcool gel. 

COLETA DE SANGUE DE CURADOS DO CORONAVÍRUS
Assim como o Hemocentro, o Banco de Sangue coleta sangue de curados do coronavírus para transfusão a pacientes ainda infectados. O experimento tem o intuito de destinar o material a hospitais que tiverem protocolo para o uso do plasma como alternativa na diminuição dos sintomas de doentes positivos para covid-19.

O perfil de doadores aceitos pelo Banco são homens, de 18 a 65 anos, que testaram positivo para doença por meio do teste PCR. Além disso, é necessário que os doadores estejam há mais de 30 dias recuperados, sem sintomas ou infectados por outras doenças. 

ESTOQUE NO BANCO DE SANGUE
A+
30% abaixo da média necessária
A- 10% abaixo da média necessária
O+ 40% abaixo da média
O- 50% abaixo da média

REQUISITOS PARA SER UM DOADOR
:: Ter entre 18 e 69 anos (pode doar a partir dos 16 desde seja autorizado pelos responsáveis)
:: Ter peso mínimo de 50kg
:: Não estar em jejum
:: Apresentar documento oficial com foto
:: Mulheres podem doar três vezes em 12 meses
:: Homens podem doar quatro vezes em 12 meses

O QUE IMPEDE A DOAÇÃO
:: Tatuagem ou maquiagem definitiva há menos de um ano
:: Resfriado ou gripe (aguarde 15 dias após o término dos sintomas
:: Endoscopia, colonoscopia, broncoscopia há menos de seis meses
:: Ter doado sangue em menos de 60 dias (homens) e 90 dias (mulheres)
:: Ter herpes
:: Estar com alergia em crise (asma, rinite ou urticaria)
:: Piercing em genital ou oral
:: Estilo de vida que inclua uso de drogas ou sexo sem o uso de preservativo com múltiplos parceiros

Leia também
Com fiscalização sobrecarregada, prefeitura teme que aglomerações levem Caxias do Sul de volta para a bandeira vermelha

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros