Aulas presenciais só devem retornar em agosto no Estado - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Educação25/06/2020 | 15h54Atualizada em 25/06/2020 | 15h54

Aulas presenciais só devem retornar em agosto no Estado

Na segunda-feira deve ser lançada uma consulta pública digital

Aulas presenciais só devem retornar em agosto no Estado Marcelo Passarella/Gaúcha Serra
Foto: Marcelo Passarella / Gaúcha Serra

Agora é oficial: o retorno das aulas presenciais não ocorrerá em 1º de julho como havia prospectado o governo estadual. A nova data provável é início de agosto. O anúncio foi feito pelo governador Eduardo Leite em transmissão ao vivo nesta quinta-feira (25). 

Leia mais
Aulas serão retomadas nas redes pública e privada de forma remota a partir de segunda-feira no Estado
Coordenadorias fazem levantamento de dados sobre rede estadual de ensino no RS

O governador já havia falado, na semana passada e na última terça-feira, que dificilmente se confirmaria o calendário proposto originalmente, em função do avanço dos casos do novo coronavírus nas últimas semanas no Estado. Um novo cronograma será elaborado para a retomada das atividades escolares.

Na próxima segunda-feira deve ser lançada uma consulta pública digital que pretende alcançar cerca de três mil entidades ligadas às áreas da educação pública e privada e assistência social, como conselhos tutelares, por exemplo. A ideia é ouvir a opinião dessas entidades sobre como deva ser a retomada das aulas presenciais.

– Projetávamos o retorno para a partir de 1º de julho, isso, evidentemente, não acontecerá. Ainda há remota possibilidade de retorno na segunda quinzena (de julho), mas o mais provável é um retorno para o mês de agosto e por etapas – projetou Leite ao final da transmissão.

O momento é de cautela e de diálogo, segundo o governador, para organizar da melhor forma o retorno.

A pesquisa servirá para definir quais faixas devem voltar primeiro, se Educação Infantil ou Ensino Médio ou outro nível. O detalhamento de como vai funcionar a consulta será feito na segunda-feira.

As aulas na rede de ensino do Estado, tanto pública quanto privada, foram suspensas em 19 de março.

Leia também:
Caxiense participa de Feira Brasileira de Jovens Cientistas com projeto sobre casca de pinhão

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros