"Nenhum paciente ficou sem atendimento", diz infectologista de hospital de Bento - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Pandemia27/05/2020 | 07h35Atualizada em 27/05/2020 | 07h35

"Nenhum paciente ficou sem atendimento", diz infectologista de hospital de Bento

Médica Nicole Golin considera que situação no município está dentro do esperado e sob controle

"Nenhum paciente ficou sem atendimento", diz infectologista de hospital de Bento Roni Rigon/Agencia RBS
Dos 30 leitos de UTI disponíveis no Tacchini, 29 estão ocupados, segundo informações da Secretaria Estadual da Saúde Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

A demanda por internações hospitalares em Bento Gonçalves está dentro do esperado e sob controle. Essa é a avaliação da infectologista do Hospital Tacchini, Nicole Golin, que concedeu entrevista coletiva virtual na tarde de terça-feira (26). Dos 30 leitos de UTI disponíveis, 29 estão ocupados, segundo informações da Secretaria Estadual da Saúde. Desses pacientes, 19 são casos suspeitos ou confirmados de coronavírus. A taxa de ocupação geral do hospital, contabilizando também quartos e enfermaria, gira em torno de 60%, conforme a médica, e tem condições de expansão rápida de 50% em caso de necessidade.

Dados divulgados também na terça-feira mostram que Bento Gonçalves tem 496 casos confirmados de coronavírus, liderando a lista da Serra Gaúcha. No entanto, a médica salientou que o constante aumento está dentro do esperado. Além disso, destacou que um cenário eventual de poucos casos poderia indicar algum erro no monitoramento: 

— Ainda que os números tenham aumentado, nenhum paciente que efetivamente necessitou de recurso hospitalar ficou sem atendimento. Essa é a nossa grande tranquilidade tanto em leitos de internação quanto de UTI. A gente está conseguindo dar esse recurso a todo mundo que busca, todo mundo que precisa. 

Leia mais
Hospitais da Serra contam com onda de solidariedade no enfrentamento à covid-19
VÍDEO: idoso vítima de Covid-19 recebe homenagem ao ter alta da UTI, em Bento Gonçalves
Prefeitura de Bento Gonçalves confirma mais duas mortes causadas pelo coronavírus

Nicole explicou que o hospital tem optado por fazer a chamada "transição precoce", que consiste em levar para UTI pacientes com determinadas características que possam representar um perigo de agravamento da doença ainda que ela não se apresente na pior condição. A médica preferiu não projetar uma data para o pico de casos, mas afirmou que espera que o inverno tenha uma situação mais complicada de atendimentos, como ocorre normalmente devido à necessidade de internação relacionada a doenças mais comuns no período mais frio do ano. Ainda assim, ela considera que haverá condições de atender a toda a demanda: 

— O pior momento é quando a gente tiver esgotamento de recurso de saúde, que a gente não está esperando chegar.

A infectologista comentou ainda que as mortes de um jovem na faixa dos 20 anos e um bebê, confirmadas na segunda-feira (25). Para ela, não se tratam de casos fora da curva, porque a doença pode afetar qualquer faixa etária e, embora idosos tenham mais risco de agravamento, não há garantias que pessoas mais jovens não corram perigo. 

— A ideia prioritária de que só idosos estão em risco é ilusória — defendeu.

Embora avalie que um novo momento de fechamento de todas as atividades não deva ocorrer, a médica salientou que ainda não se pode voltar à vida da mesma maneira que era antes da pandemia. Nicole se posicionou também contra ações que favoreçam a chamada imunidade de rebanho, com a liberação das atividades para que um grande número de pessoas se contamine e assim tenham anticorpos contra a doença. Segundo a infectologista, o cenário poderia sobrecarregar o sistema de saúde com muitos pacientes precisando de atendimento médico hospitalar.

Leia também
Doações mudam a realidade de hospitais de Caxias do Sul no combate ao coronavírus
Prefeitura de Caxias do Sul  confirma 143 infectados pelo coronavírus
Em plena pandemia, produtos de cesta básica chegaram a aumentar 16% em Caxias, aponta pesquisa

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros