Leilão de vestidos da Rainha da Noite irá arrecadar dinheiro para entidade de Caxias do Sul - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Solidariedade22/05/2020 | 20h00Atualizada em 22/05/2020 | 20h09

Leilão de vestidos da Rainha da Noite irá arrecadar dinheiro para entidade de Caxias do Sul

Valor de peças que pertenceram a Adilce Luchtemberg ajudará o Inav

Leilão de vestidos da Rainha da Noite irá arrecadar dinheiro para entidade de Caxias do Sul Taynara dos Santos/Studio Scalco / Divulgação
Um dos vestidos que faz parte do leilão do Inav Foto: Taynara dos Santos / Studio Scalco / Divulgação

Vestidos usados por Adilce Luchtemberg nas tradicionais apresentações na Chardonnay serão leiloados, e o valor destinado ao Instituto da Audiovisão de Caxias do Sul (Inav). As peças do guarda-roupa da Rainha da Noite foram doadas pela família de Adilce para ajudar a instituição, que optou pelo formato de leilão. A empresária faleceu em 17 de junho do ano passado, aos 79 anos, após sofrer um aneurisma cerebral.

— Estamos fazendo a vontade dela, que sempre falava que gostaria que fizéssemos doação dos vestidos, inclusive em vida mesmo. Já havíamos doado alguns para converter em ajuda para pessoas necessitadas. Ela sempre ajudou e nós continuamos fazendo essa vontade dela — conta Vinicius Cappelletti, neto de Adilce, que acrescenta que a avó tinha mais de 200 vestidos de festa e a família pretende, aos poucos, doar mais peças.

São três vestidos, todos no tamanho 44: um azul, um verde e preto e outro nas cores marrom, salmão, preto e azul. Cada um está avaliado em R$ 200. O lance mínimo é de R$ 100. A expectativa da entidade é conseguir, no mínimo, R$ 600 com as três peças.

— Essa pandemia está sendo preocupante para todos. A ajuda da comunidade é muito importante para nos mantermos — pede Glenda Lisa Stimamiglio, pedagoga do Inav.

O leilão começou no dia 27 de abril e encerra em 17 de junho, às 14h — por coincidência, dia em que a morte de Adilce completa um ano. Até esta sexta-feira (22), nenhum lance havia sido feito no site do leilão.

O Inav presta atendimento a pessoas surdocegas, cegas e com baixa visão associadas ou não a outras deficiências. Atualmente, são 160 usuários. Neste período de distanciamento social, a entidade tem realizado as atividades virtualmente.

Para participar do leilão é só acessar o site do Leiloeiro. 

Leia também
Viaje sem sair de casa: Grutas de Tolantongo, paraíso de águas quentes
Caxias do Sul terá o primeiro centro para acolher profissionais da saúde
Secretaria Estadual da Saúde confirma duas mortes por coronavírus na Serra

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros