Caminhoneiro de Caxias do Sul morto por coronavírus é cremado na Bahia - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Pandemia05/05/2020 | 13h43Atualizada em 05/05/2020 | 15h57

Caminhoneiro de Caxias do Sul morto por coronavírus é cremado na Bahia

Homem de 69 anos morreu em Feira de Santana no último sábado

Caminhoneiro de Caxias do Sul morto por coronavírus é cremado na Bahia Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

O caminhoneiro de Caxias do Sul que morreu no último sábado (2) no município de Feira de Santana (BA) foi cremado na cidade de Alagoinhas, localizada a cerca de 115 km da capital Salvador.  A informação sobre a morte do profissional foi divulgada pela prefeitura de Feira de Santana na segunda-feira (4). No entanto, o governo da Bahia não informa a identificação do homem, apenas que tinha 69 anos e que era morador de Caxias do Sul. A confirmação sobre a cremação é dada pelo Núcleo Regional de Saúde do governo baiano. 

Conforme informações repassadas pela prefeitura de Feira de Santana, o caminhoneiro viajava por São Gonçalo dos Campos quando precisou de atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Conforme Melissa Falcão, coordenadora de Comitê de Acompanhamento ao Coronavírus em Feira de Santana, ele foi encontrado desacordado dentro do caminhão. O homem foi socorrido e transferido para um hospital particular de Feira de Santana.

Leia mais
Caminhoneiro de Caxias do Sul morre por covid-19 na Bahia

Ainda segundo Melissa, o homem estava apenas de passagem pela rodovia no município. A contagem de mortes por coronavírus, desta forma, ficou para Caxias do Sul, onde ele tinha residência fixa.  Não há informação sobre o trajeto que o paciente percorreu até chegar ao estado baiano e nem a data que partiu da Serra Gaúcha.

A prefeitura de Caxias do Sul não tem informações sobre o caso e afirma que o assunto será tratado pelo Estado. O governo estadual, da mesma forma, não divulgou detalhes sobre a morte do caminhoneiro até o momento. 

A morte do paciente é a primeira confirmada em Caxias do Sul. A Serra contabiliza 11 óbitos por coronavírus. Três casos são de Bento Gonçalves; outros três de Garibaldi; um de Serafina Corrêa; um de Monte Belo do Sul e um em Vacaria. 

Leia também
Reabertura de rede hoteleira avança na Região das Hortênsias
Uso de máscaras passa a ser obrigatório a partir desta terça-feira em São Marcos 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros