#tbt's em tempos de isolamento social - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Memória28/04/2020 | 10h23Atualizada em 28/04/2020 | 10h44

#tbt's em tempos de isolamento social

Confira registros que provocam uma onda de nostalgia nas redes sociais

#tbt's em tempos de isolamento social Studio Geremia,Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami/Divulgação
Eberle, anos 1940: aula na Escola de Desenho Artístico José Venzon Eberle, sob a orientação do fotógrafo e pintor Ary Cavalcanti (à esquerda) Foto: Studio Geremia,Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami / Divulgação

Nesses tempos de isolamento social, as redes sociais têm entupido de fotos com a hashtag #tbt – abreviação do “throwback thursday”, expressão do inglês que costuma marcar compartilhamentos referentes a momentos emblemáticos do passado, em qualquer contexto.

Não faltam imagens nostálgicas de reuniões familiares, infância, formaturas, churrascos, encontros na beira da praia, passeios, aniversários, festas, viagens, desfiles, aglomerações, enfim, tudo que não é recomendado fazer atualmente.

Buscando no acervo da própria coluna, fizemos um mix de vários desses momentos, que despertam dois sentimentos: saudade e dúvida. Afinal, quando retornaremos a chamada vida “normal”? O que era “vida normal”?

Leia mais
#caxiaspelajanela: confira imagens do Centro nos anos 1960 e 1970
#caxiaspelajanela: confira imagens do Centro nos anos 1960 e 1970 (parte 2)

Funcionários da Estação Experimental de Viticultura e Enologia no preparo dos enxertos para videiras, na década de 1930.<!-- NICAID(14486621) -->
Funcionários da Estação Experimental de Viticultura e Enologia no preparo dos enxertos para videiras, na década de 1930Foto: Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami / Divulgação
A cantora Leny Eversong apresenta-se no Cine Teatro Ópera em 1962, por ocasião do aniversário da Rádio Caxias. Detalhe da plateia.<!-- NICAID(10807108) -->
Cine Ópera lotado: registro da plateia durante o show da cantora Leny Eversong, em 1962, por ocasião do aniversário da Rádio CaxiasFoto: Banco de Memória da Rádio Caxias / divulgação
Festa da Uva 1950: apresentação de orquestra e coral durante a homenagem ao presidente Eurico Gaspar Dutra.<!-- NICAID(14486620) -->
Festa da Uva 1950: apresentação de orquestra e coral durante a homenagem ao presidente Eurico Gaspar DutraFoto: Reno Mancuso,acervo pessoal de Renan Carlos Mancuso / Divulgação
Maria Elisa Eberle, rainha da Festa da Uva de 1954, desfila no carro alegórico projetado pelo desenhista e projetista da Metalúrgica Abramo Eberle, Orevil Bellini. No carro estão as princesas Jacy Lucchese, Beatriz Corsetti, Lorita Sanvitto e Ruth Spinatto.<!-- NICAID(12044748) -->
Festa da Uva 1954: Maria Elisa Eberle, Jacy Lucchese, Beatriz Corsetti, Lorita Sanvitto e Ruth Spinatto desfilando no carro das soberanas em frente ao Juvenil Foto: Studio Geremia / acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami,divulgação
Gervis Damian (segundo à esquerda de baixo pra cima) e Maria Isabel Crippa (no alto à direita, a loira). Grupo de caxienses em Colônia de Férias organizada pelo SESC na praia de Torres em 1954. Foto do grupo na praia da Guarita.<!-- NICAID(11963926) -->
Veraneio de 1954: Gervis Damian, Douglas Duso Guimarães, Leontina Zucco Guimarães e amigos da Colônia de Férias do Sesc em Torres Foto: Foto Feltes / acervo de família,divulgação
A forte religiosidade é marca registrada de Caxias do Sul desde os primórdios da colonização. E a tradicional procissão de Corpus Christi sempre foi um dos momentos máximos dessa característica. Nas fotos a seguir, disponibilizadas pelo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami, vemos a Rua Sinimbu, defronte à Catedral Diocesana, e os arredores da então Praça Ruy Barbosa tomados de fieis para a celebração. Os registros são do início dos anos 1950, logo após a cidade ter sediado o Congresso Eucarístico Diocesano, em 1948.<!-- NICAID(10593089) -->
Procissão de Corpus Christi defronte à Catedral Diocesana em 1950Foto: Studio Geremia / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami,divulgação
Bomboniére Maratá, de propriedade do casal Ordália da Silva e Abílio da Silva, em 1943. Na imagem aparecem o professor Plentz (à esquerda, à frente, com o copo na mão), Milton Rossarola (atrás dele, de chapéu e bigode), Athos Horn (à esquerda, levando o copo à boca), Sérgio Ramos, Herbert Brugger, João Dib Neto, Viezzer (ecônomo do Clube Juvenil), Júlio Beretta (de cigarro na boca, mais à direita, ao fundo sentado), Nedi Menegotto (de quepe militar, mais ao funo, sentado, à direita), Fred Fleck (bem ao centro, sentado, com o cravo na lapela) e o sr. Pezzi. Local estava situado no térreo da família do alfaiate Rodolpho Braghirolli.<!-- NICAID(11611398) -->
A Bomboniére Maratá, um badalado ponto de encontro na Av. Júlio de Castilhos, em 1943Foto: Studio Geremia / Acervo Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami,divulgação
População junto à Praça Dante Alighieri duranta a Festa da Uva de 1937. Ao fundo, a Rua Dr. Montaury<!-- NICAID(14486635) -->
População junto à Praça Dante Alighieri duranta a Festa da Uva de 1937. Ao fundo, a Rua Dr. MontauryFoto: Foto Mancuso,acervo de Renan Carlos Mancuso / Divulgação

A expressão

A expressão throwback thursday (tbt) é traduzida livremente como a “quinta-feira do retorno ou do regresso”, a “quinta-feira da nostalgia”. Costuma ser usada principalmente no Instagram, para recordar algum momento feliz do passado. Hoje, porém, a prática difundiu-se de tal forma que ninguém mais presta muita atenção no dia – daí publicarmos nesta terça. Existe ainda a versão #fbf, o flashbackfriday, o retorno à sexta-feira, usado quando a publicação nostálgica das quintas é esquecida pelos usuários. 

Leia também
Você é um morador "raiz" de Lourdes?
Bairro Lourdes: a família de João Zandomeneghi
Homenagens póstumas a personalidades de Caxias em 1957

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros