Conselheiros de trânsito de Caxias são nomeados e tarifa de ônibus deve ser discutida nas próximas semanas - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Definição aguardada13/02/2020 | 13h18Atualizada em 13/02/2020 | 13h32

Conselheiros de trânsito de Caxias são nomeados e tarifa de ônibus deve ser discutida nas próximas semanas

Representantes da administração e da comunidade são responsáveis por avaliar planilhas de cálculo baseadas nos custos operacionais

Conselheiros de trânsito de Caxias são nomeados e tarifa de ônibus deve ser discutida nas próximas semanas Roni Rigon/Agencia RBS
Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Responsáveis por discutir o reajuste da tarifa do transporte coletivo de Caxias do Sul, os novos integrantes do Conselho Municipal de Trânsito e Transportes foram nomeados pela administração Cassina. A definição dos nomes era fundamental para dar início ao processo de debate do novo valor da passagem, já que boa parte dos membros anteriores eram integrantes da gestão do ex-prefeito Daniel Guerra (Republicanos) e entregaram os cargos com a aprovação do impeachment em 22 de dezembro.

Leia mais
Vice-prefeito de Caxias cogita prorrogação de seis meses de contrato com a Visate
Visate pede reajuste anual da tarifa de ônibus em Caxias do Sul
Edital para licitação do transporte coletivo de Caxias será recriado, diz secretário

Ao todo, nomes de sete titulares e três suplentes foram publicados no Diário Oficial do Município nesta quinta-feira (13). Além de integrantes da administração, especialmente secretários, também há representantes de sindicatos e da Delegacia de Trânsito de Caxias do Sul.

Conforme o secretário de Trânsito, Alfonso Willembring, também nomeado ao conselho, uma reunião está marcada para a tarde desta quinta com o prefeito Flavio Cassina (PTB) para definir um calendário de reuniões. A expectativa é de que o primeiro encontro, para definir presidente, vice e demais cargos dentro do colegiado, ocorra já na próxima semana. A partir dessas definições, será possível avançar com os assuntos pendentes.

— A prioridade é para a tarifa do transporte coletivo, mas também temos questões a debater no transporte intramunicipal (entre o centro e os distritos) e o transporte seletivo (táxis-lotação). São temas que eu, como administrador, penso da seguinte forma: aquilo que te tira o sono não pode esperar muito tempo — afirma o secretário.

Conforme Willembring, a primeira reunião para debater a tarifa pode ser convocada no mesmo edital que vai determinar o encontro para a definição de cargos dentro do conselho. No entanto, ainda é preciso verificar a disponibilidade dos novos integrantes. Ainda segundo o secretário, a divisão técnica da pasta já concluiu o cálculo da nova tarifa, com base na planilha de custos preenchida pela Visate e prevista em contrato.

— Tem alguma margem para subir um pouco ou para diminuir, mas prefiro não falar antes de passar pelo conselho — despista.

O regimento do conselho prevê pelo menos duas reuniões até a definição de uma sugestão de valor. Na primeira, as planilhas de cálculos são apresentadas e é escolhido um relator e um revisor do processo. O relator tem uma semana para a elaboração de um parecer, que deve ser analisado pelo revisor em três dias. Na segunda reunião, os argumentos são apresentados a todos os conselheiros, que definem um valor a ser sugerido ao prefeito; o chefe do Executivo tem 24 horas para tomar uma decisão final. O prefeito pode, inclusive, alterar o valor apontado pelos conselheiros.

Nomes publicados

- Nurimar Vieira Valmini (titular) e Adão de Oliveira (suplente) como representantes do Sindicato dos Trabalhadores de Caxias do Sul (Sindicatos Reunidos)
- Adriano Jesus Linhares Rodrigues como representante da Delegacia de Trânsito
- Gilberto Meletti como representante da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos
- Alfonso Willenbring Júnior como representante da Secretaria Municipal do Trânsito, Transportes e Mobilidade
- Édio Elói Frizzo (titular) e Sandro Royes Bittencourt (suplente) como representantes da Secretaria Municipal do Planejamento
- Paulo Roberto Dahmer como representante da Secretaria Municipal de Gestão e Finanças
- Pedro Pereira de Souza (titular) e Sérgio Augustin (suplente) como representantes da Procuradoria Geral do Município

Leia também
Com férias de médicos, conseguir consultas fica ainda mais difícil em Caxias
Ex-procuradora-geral adjunta de Caxias assume defesa de Daniel Guerra 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros