Homem morre eletrocutado em Caxias do Sul  - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Bairro Fátima06/11/2019 | 20h18Atualizada em 07/11/2019 | 16h10

Homem morre eletrocutado em Caxias do Sul 

Corpo levou mais de quatro horas para ser removido porque equipe atendia a outro acidente na região

Homem morre eletrocutado em Caxias do Sul  Porthus Junior/Agencia RBS
João Valtuir Vieira Alves cortava grama em moradia dos fundos na Rua Monsenhor João Meneguzzi Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O eletricista aposentado João Valtuir Vieira Alves, 56 anos, morreu eletrocutado por volta das 15h desta quarta-feira (6) em Caxias do Sul. Entretanto, o corpo só foi removido para o Departamento Médico Legal (DML) por volta das 19h30min. A demora de mais de quatro horas indignou familiares dele. O caso aconteceu na Rua Monsenhor João Meneguzzi, no bairro Fátima. 

Conforme Luziandra Dallagnol Alves, sobrinha de Alves, o tio estava manuseando um cortador de grama na frente de casa quando sofreu uma descarga elétrica. Um vizinho percebeu o corpo caído e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para prestar socorro. A equipe constatou a morte no local. Em seguida, a Brigada Militar (BM) despachou uma guarnição para registrar a ocorrência. A Polícia Civil também foi acionada. A perícia, no entanto, só chegou no local no início da noite.

— Estamos tristes porque além de meu tio ter morrido, o corpo está lá caído. Ninguém pode chegar perto dele, não podemos vê-lo — lamentou Luziandra.

A justificativa para a demora na remoção do corpo é que a equipe do Instituto-Geral de Perícias (IGP), que tem responsabilidade por outras cidades da Serra, estava atendendo um acidente de trânsito com morte no interior de São Francisco de Paula, caso registrado durante a tarde. Por esse motivo, ocorreu o atraso no atendimento. 

Leia também
Brigada Militar encerra buscas a suspeito de sequestros cometidos em Gramado
Preso tenta fugir após atendimento na UPA, em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros