Em Cambará do Sul, comitiva do Ministério do Turismo diz que região está entre as prioritárias para investimentos - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Parques nacionais07/11/2019 | 20h34Atualizada em 07/11/2019 | 20h34

Em Cambará do Sul, comitiva do Ministério do Turismo diz que região está entre as prioritárias para investimentos

Em visita à cidade, Robson Napier Borchio também falou sobre aumento de repasse para linhas de crédito

Em Cambará do Sul, comitiva do Ministério do Turismo diz que região está entre as prioritárias para investimentos Daiana Silva / Divulgação/Divulgação
Foto: Daiana Silva / Divulgação / Divulgação

O projeto de concessão e melhorias estruturais de acesso aos parques nacionais dos Aparados da Serra e da Serra Geral, em Cambará do Sul está entre as prioridades nos investimentos a serem feitos pelo Ministério de Turismo nos próximos anos. A afirmação foi feita pelo Secretário Nacional de Estruturação do Turismo Robson Napier Borchio que representou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio em uma visita à cidade nesta quinta-feira (7).

Durante uma reunião, que também contou com a presença do presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Gilson Machado Neto, e o senador Luis Carlos Heinze, o secretário também anunciou um aumento de repasse aos bancos para a abertura de linhas de crédito voltadas a  empresários do setor turístico que queiram investir em seus negócios.

— As coisas não acontecem por acaso. É inegável que a região tem uma vocação turística, mas nada disso estaria acontecendo se não houvesse um esforço de pessoas que estão se dedicando a isso — comentou o secretário durante fala no encontro que também reuniu representantes da prefeitura e Câmara de Vereadores de Cambará do Sul, bem como da Associação de Empreendedores Turísticos (Aeturcs) do município. O encontro ocorreu durante a tarde no Cambará Eco Hotel, após uma agenda que incluiu um voo de helicóptero sobre os cânions.

Em nome do ministro que estava confirmado para a visita, tendo a vinda cancelado devido a um imprevisto na noite de quarta-feira (6), Borchio afirmou que, entre 30 projetos que estão sendo trabalhados pelo governo, cinco foram eleitos como prioritários para investimentos do Ministério nos próximos anos. Entre eles, está a região que engloba os parques de Cambará do Sul.

— Todo o orçamento de programação estrutural estará dirigido para essas cinco regiões e, nesse momento, convergiu para uma situação favorável a questão das concessões dos parques. Esse assunto está em progresso e terá um resultado muito bom nos próximos meses — garantiu o secretário, aplaudido quando falou em melhorias nas rodovias de acesso, assunto que está sendo debatido entre equipes técnicas do Ministério.

Flexibilização no repasse de recursos

— Estamos neste exato momento aumentando o repasse aos bancos para eles aplicarem nesta modalidade — anunciou o secretário, sem especificar valores.

Segundo ele, houve uma flexibilização na forma de repasse dos recursos do Ministério do Turismo para a abertura de linhas de créditos destinadas aos empresários do setor.

— Liberamos para investimento sem aplicação definida, sem precisar de processo demorado. Os financiamentos são de até R$ 1 milhão, com quatro anos de prazo e seis meses de carência.

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros