Mutirão percorre margens do Rio das Antas, em Flores da Cunha, em busca de adolescente desaparecido  - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Buscas16/10/2019 | 10h12Atualizada em 16/10/2019 | 11h22

Mutirão percorre margens do Rio das Antas, em Flores da Cunha, em busca de adolescente desaparecido 

 Victor Garcia Maciel, 15 anos, sumiu nas águas no último domingo quando pescava com a família 

Mutirão percorre margens do Rio das Antas, em Flores da Cunha, em busca de adolescente desaparecido  Arquivo Pessoal  / Reprodução /Reprodução
Victor Garcia Maciel, 15 anos, sumiu nas águas no último domingo quando pescava com a família Foto: Arquivo Pessoal / Reprodução / Reprodução

Familiares e amigos de Victor Garcia Maciel, 15 anos, percorrem as margens do Rio das Antas, na divisa entre Flores da Cunha e Antônio Prado, desde às 6h desta quarta-feira (16) para tentar localizar o adolescente. Ele sumiu nas águas do rio no último domingo (13), quando pescava com a família, próximo a ponte. Cerca de 15 pessoas participam do mutirão.

Leia mais:
Família de adolescente desaparecido no Rio Antas, em Flores da Cunha, pede ajuda de mergulhadores nas buscas 
Buscas por adolescente desaparecido no Rio das Antas serão retomadas nesta segunda-feira
Adolescente desaparecido no Rio das Antas, em Flores, estava pescando com familiares  Bombeiros de Flores da Cunha realizam buscas para encontrar adolescente desaparecido no Rio das Antas  

O irmão de Victor, Aledeson Maculan Maciel, ressalta que vão seguir as buscas, mesmo em caso de chuva.

— Estamos angustiados e vamos seguir procurando. Começamos a caminhar embaixo da ponte que foi onde ele sumiu e vamos margear o rio, seguindo o curso dele.  

Duas embarcações dos Bombeiros, com seis oficiais, participam das buscas nas águas do rio. No entanto, devido as condições climáticas ainda não foi possível acionar os mergulhadores para vasculhar o rio, já que o acesso por baixo d'água é difícil:

— As buscas não vão cessar com a chuva, mas estamos avaliando as condições do rio, devido a chuva, porque não oferecia condições de mergulho pois o volume do rio aumentou e a correnteza estava forte. Iremos acionar o Grupamento de Busca e Salvamento de Porto Alegre para que sejam enviados profissionais para ajudar nas buscas assim que o tempo tiver condições de mergulho— ressalta o tenente-coronel Julimar Fortes Pinheiro, responsável pelo 5º Batalhão de Bombeiros Militar (5° BBM).

Leia também
Trecho de calçada da Avenida Júlio de Castilhos, em Caxias, está descaracterizado
Homem troca fotos íntimas por aplicativo de mensagens e é vitima de tentativa de extorsão em Caxias
Homem é preso com 82 pedras de crack em Farroupilha


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros