Contribuintes de Bento Gonçalves têm até sexta para pagar dívidas em atraso com desconto de 90% - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Segunda etapa29/08/2019 | 11h31Atualizada em 29/08/2019 | 11h32

Contribuintes de Bento Gonçalves têm até sexta para pagar dívidas em atraso com desconto de 90%

Município já recuperou R$ 1,7 milhão com o Refis

Contribuintes de Bento Gonçalves têm até sexta para pagar dívidas em atraso com desconto de 90% Gustavo Bottega/Conceitocom/Divulgação
Foto: Gustavo Bottega / Conceitocom/Divulgação

Contribuintes de Bento Gonçalves que tiverem débitos em atraso referentes a impostos,como o IPTU, ISSQN e taxas municipais, podem obter desconto de 90% se fizerem o pagamento até esta sexta-feira (30). De acordo com o secretário-adjunto de Finanças, Heitor Tártaro, já foram negociados mais de R$ 2,6 milhões em dívidas. Deste valor, R$ 1,7 milhão já foi arrecadado. 

Leia mais:
Câmara de Bento Gonçalves vota nesta segunda criação de Programa de Recuperação Fiscal
Prefeitura de Bento Gonçalves projeta arrecadar R$ 6 milhões com Programa de Recuperação Fiscal

Segundo Tártaro, o município percebeu que tinha um valor expressivo para receber em decorrência destas dívidas e, por isso, elaborou uma lei para fornecer os descontos. De acordo com ele, o Programa de Recuperação Fiscal (Refis)  facilita o pagamento, o que beneficia o contribuinte e também o caixa do município. 

O Refis foi lançado em 7 de agosto e, até o dia 15, os contribuintes tinham 100% de desconto nas multas e juros. Conforme o secretário-adjunto de Finanças, em alguns casos o valor referente ao atraso é maior que o da dívida original.

— O desconto é no valor da multa e do juros moratórios. Então, quando a dívida é muito antiga, esse valor pode ser maior que o original. Sendo assim, com este desconto, a pessoa consegue fazer o pagamento — explica. 

O prazo para pagar com 90% de desconto termina nesta sexta-feira. Depois, a diminuição passa a ser de 80%, até o dia 30 de setembro. Em seguida, o desconto passa a ser de 70% até o dia 31 de outubro. Para quem quitar de 1º a 29 de novembro, a redução será de 60%. Por fim, até o dia 13 de dezembro, a diminuição será de 50%.  

Leia também:
Casal que abandonou feto em Carlos Barbosa é indiciado por crime de aborto  
Homem é julgado por matar esposa a facadas no interior de Garibaldi
VÍDEO: Cão-assistente facilita inclusão de estudante com deficiência em Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros