Ausência de Rainha da Festa da Uva em solenidades sugere relação estremecida - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Polêmica 08/08/2019 | 20h09Atualizada em 08/08/2019 | 20h09

Ausência de Rainha da Festa da Uva em solenidades sugere relação estremecida

Soberanas negam informação e dizem que agenda não permite participação contínua em eventos

Ausência de Rainha da Festa da Uva em solenidades sugere relação estremecida Porthus Junior/Agencia RBS
Princesas Milena Caregnato e Viviane Gaelzer estavam sem a soberana na Feijoada do Pulita Foto: Porthus Junior / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

A ausência da rainha da Festa da Uva Maiara Perottoni em eventos oficiais vem causando estranheza e vereadores levantaram a hipótese de que a relação da soberana com a Comissão Comunitária e a prefeitura de Caxias do Sul estaria estremecida. O assunto foi trazido à tona pelo vereador Adiló Didomenico (PTB) durante sessão ordinária desta quinta-feira. Maiara e as princesas Viviane Piamolini Gaelzer e Milena Remus Caregnato negam veemente as informações e afirmam que tudo está normal e tampouco há relações cortadas com a administração municipal e a Festa da Uva. A eventual ausência em solenidades teria influência de compromissos profissionais, acadêmicos e pessoais.

O parlamentar citou a falta da rainha em cerimônias recentes na Câmara de Vereadores, entre eles, a entrega da Comenda Mérito Raul Randon de Metalmecânica, na última terça-feira (6). Na ocasião, apenas as princesas participaram da solenidade. Na Feijoada do Pulita, no dia 13 de julho, Maiara também não esteve presente. A última vez que o trio completo compareceu em público foi em junho. Desde então, o envolvimento das soberanas geralmente é em duplas. No caso, as princesas representaram a Festa em quatro ou cinco eventos nas últimas semanas, sem a rainha, o que reforçou a especulação sustentada por Adiló e pelo vereador Paulo Périco (MDB) nesta quinta-feira. No sábado (3), o trio e a comissão se reuniu de maneira informal num almoço em um restaurante no Caminhos de Pedra.

Rainha Maiara Perottoni e as princesas Viviane Piamolini Gaelzer e Milena Remus Caregnato durante almoço em Bento Gonçalves, no sábado, dia 3 de agosto.
Trio e comissão da Festa da Uva se reuniram no último sábado (3) em almoço de confraternização em Bento GonçalvesFoto: Festa da Uva / divulgação

"Extraoficialmente corre a informação na cidade de que a rainha da Festa da Uva também jogou a toalha. Pelo desprezo, ela não tem mais, pelo desprezo que ela sofreu quando dos eventos públicos onde se apresenta, que ela não está mais acompanhando o pessoal. Então fica... Isso está no ar, se fala à boca pequena. Não existe... Quem sabe a secretária de Turismo tenha essa informação também para nos trazer: por que a rainha não tem mais acompanhado?", questionou Adiló na tribuna.

Ao Pioneiro, o parlamentar disse que soube da história por meio de fontes que não pode revelar. 

— É o que tenho ouvido, não posso dizer a fonte, mas são de pessoas que são próximas. A rainha se cansou da falta de cortesia da administração. Mas claro, pode ter acontecido algo pessoal que impediu ela de estar nos locais, tem que ver  — alega o vereador.

Agenda lotada

Rainha Maiara Perottoni e princesa Viviane Piamolini Gaelzer durante reunião-almoço dos 70 anos da Marcopolo na CIC, no dia 5 de agosto.
Rainha Maiara Perottoni e a princesa Viviane Gaelzer participaram da reunião-almoço da CIC na última segunda-feira (5)Foto: Júlio Soares / Divulgação

Maiara se diz chocada e triste com a fala do parlamentar. A soberana admite que nem sempre é possível estar em todos os compromissos que envolvem a Festa da Uva por causa da agenda profissional e pessoal. Ela é empreendedora do ramo de produtos naturais e cursa Nutrição. Da mesma forma, as princesas também se dedicam ao trabalho e aos estudos. Por conta disso, desde o encerramento da Festa, a rainha e princesas se revezam para estarem presentes como trio ou em duplas. Na segunda-feira (5), Maiara participou da reunião-almoço em comemoração aos 70 anos da Marcopolo na Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias, mas não teve como ir na entrega da comenda na Câmara de Vereadores, no dia seguinte.

—  Teve o mês passado que aconteceram eventos um atrás do outro e eu estava envolvida com um projeto referente ao meu trabalho, não estava nem na cidade, estou trabalhando na áreas de produtos naturais, não consegui participar de eventos que aconteceram na sequência. Sábado, tivemos almoço com comissão em Bento Gonçalves e o almoço na CIC na segunda-feira —  conta Maiara. 

A rainha reforça que antes e durante a Festa, o trio esteve presente em todos os eventos, o que não foi mais possível. 

— Estamos retomando nossa vida particular e senti de não ter participado porque foram eventos grandes. Mas fico surpresa com a informação porque também estou em eventos que participo sozinha. Em julho, estive na Glamour Girl e num júri em outra cidade vizinha. Fico triste, não esperava que isso fosse cair como uma fofoca. Sei da importância da rainha e pretendo estar em todos os compromissos programados — reitera a soberana.

Suposta insatisfação

Uma possibilidade cogitada nos bastidores é que haveria insatisfação entre o trio causada, por exemplo, pela quebra de uma tradição na abertura da Festa da Uva, em fevereiro. As soberanas não puderam ficar no palco reservado para as autoridades e não tiveram o nome citado no protocolo. A princesa Milena afirma que a polêmica daquele mês foi tratada internamente por meio de diálogo.

—  A relação é bem aberta e sobre críticas que surgiram na mídia, houve conversas. Falo por mim e não tenho do me queixar. Como trio, estamos muito bem. Nos falamos quando uma não pode comparecer nos eventos e deu o acaso de que eu e a Vivi estávamos mais livres nos últimos dias —  diz Milena. 

— A Sandra (Mioranzza Randon, presidente da Comissão Comunitária) tem nos apoiado, inclusive no sábado tivemos esse almoço junto, porque era almoço mais familiar, não era evento oficial, podemos discutir assuntos da nossa rotina e também mais fora da festa. Fazia tempo que não nos víamos. Pelo amor de Deus, estou apavorada com essa informação. Independente que tivesse qualquer controvérsia, o que não aconteceu, nós como trio jamais temos de levar isso para o lado pessoal — complementa Maiara.

A princesa Viviane relatou ao Pioneiro que não teve conhecimento da fala de Adiló, mas aponta que a dedicação atual do trio ocorre dentro da medida do possível.

— Nossa agenda pessoal é mais corrida que a da Festa. Sou professora, estudo enfermagem e curso inglês. Nosso trio está fazendo tudo, mas em alguns compromissos não podemos estar como um trio.

O que diz a Festa da Uva

Em nota encaminhada à redação, a comissão da Festa da Uva afirma desconhecer "qualquer informação verídica que possa respaldar o boato 'à boca pequena' que foi comunicado através da 336ª Sessão Ordinária, realizada na Câmara de Vereadores, com referência a ausência de nossa Rainha Maiara Perottoni em eventos relacionados a Festa da Uva."

—  Temos orgulho de uma rainha empreendedora que divide sua agenda entre empresa, família e convites para representar a Festa da Uva —  reforça Sandra Mioranzza Randon. 

 Leia também
Café, sanduíche e dois dedos de prosa: grupo que atende moradores de rua em Caxias prioriza afeto e empatia
VÍDEO: Após atropelamento na faixa de segurança, moradores pedem mais sinalização em Bento Gonçalves 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros