Menino que tece mandalas com movimento dos olhos em Caxias precisa de ajuda para compra de carro adaptado - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Campanha 30/07/2019 | 09h21

Menino que tece mandalas com movimento dos olhos em Caxias precisa de ajuda para compra de carro adaptado

Artur Biolchi, 14 anos, convive com Síndrome Werdnig Hoffmann, uma grave doença degenerativa que compromete os músculos 

Menino que tece mandalas com movimento dos olhos em Caxias precisa de ajuda para compra de carro adaptado Porthus Junior/Agencia RBS
Adolescente de 14 anos convive desde os três meses com a Síndrome Werdnig Hoffmann Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

 A família de Artur Biolchi, 14 anos, criou uma campanha virtual para arrecadar recursos e comprar um carro adaptado para transportar o menino. O adolescente convive desde os três meses com a Síndrome Werdnig Hoffmann, uma doença degenerativa que compromete os músculos. 

Uma das atividades preferidas de Artur é tecer mandalas. Ele escolhe as cores e tamanhos das peças com o movimento dos olhos, e a enfermeira Rosa Cappellaro Andreazza produz as mandalas que fazem a alegria do menino. A história de superação de Artur foi contada pelo Pioneiro recentemente e tem comovido a comunidade que se uniu para ajudar o menino.

Leia mais
Menino com doença degenerativa tece mandalas com o movimento dos olhos em Caxias

A compra do veículo é um dos maiores sonhos da família, principalmente da mãe de Artur, Márcia Feraboli Biolchi. Ela produz doces em casa para ajudar nos custos e manter os cuidados com o menino, que não são cobertos pelo plano de saúde. 

—  Ele adora sair de casa, mas não tenho como levar ele passear mais porque não temos um carro adaptado. É um sonho porque o que está ao nosso alcance temos feito para que ele tenha qualidade de vida. O leite e as fraldas que ele precisa conseguimos judicialmente, mas ele tem alergias, então é necessário pomadas, as roupas tem que ser praticamente só de algodão. Ele precisa de bastante coisa para ter uma vida melhor. 

Ela ressalta que já orçou alguns modelos de carros, mas os valores estão fora da realidade da família: 

— Fiz orçamentos para comprar um carro que seja possível adaptar, mas não temos como comprar um veículo especial para transportar o Artur. Quando vou sair com ele, sempre preciso de ajuda para colocá-lo no carro. Com um veículo preparado para carregar meu filho vamos poder sair mais de casa, algo que ele gosta muito.

Para ajudar:

Quem quiser ajudar pode doar por meio da campanha online no link: www.vakinha.com.br/vaquinha/645210 

Caso queira fazer transferência ou depósito os dados são os seguintes: 

*Banco: Banrisul

* Agência: 0180

* Conta: 39.297617.0-3

* CPF: 916.950.580-20

* Titular:  Márcia Feraboli Biolchi 

Leia também
Pai tirou filha de casa antes de matar companheira em Bom Jesus, segundo polícia
Homem que aplicou golpe na compra de um veículo em Gravataí é detido tentando vender carro em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros