Leia o artigo "A base da educação do Brasil", de Wilson Bossle - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Seção do leitor20/06/2019 | 10h24Atualizada em 20/06/2019 | 10h24

Leia o artigo "A base da educação do Brasil", de Wilson Bossle

Texto foi publicado no espaço do leitor na edição do Pioneiro desta quinta-feira

Leia o artigo "A base da educação do Brasil", de Wilson Bossle Luan Zuchi/
Foto: Luan Zuchi
Pioneiro
Pioneiro

*Wilson Pinheiro Bossle - Regente do ensino primário e engenheiro agrônomo

A Educação em nosso país passa por um momento histórico com a implantação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) que, por sua vez, define os conteúdos mínimos comuns para a educação básica que abrange a Educação Infantil, o Ensino Fundamental e o Ensino Médio. Como todo o cidadão brasileiro deseja uma educação que de fato prepare as crianças, adolescentes e jovens para o exercício da cidadania e a realização plena de seus projetos de vida, uma pergunta desafiadora nos ocorre: que caminhos podem garantir o sucesso da BNCC?

Leia outras publicações da seção do leitor

Em razão do meu desejo de também querer contribuir para a melhoria da qualidade da educação brasileira e da minha experiência em educação formal como professor do Ensino Fundamental durante um ano e em educação informal por 34 anos, atuando como extensionista rural junto às famílias de agricultores, me sinto motivado a citar alguns caminhos, dentre muitos outros:

1. A qualificação e aprimoramento crescentes e reconhecidos pela sociedade dos conteúdos que compõem os documentos da BNCC, sob a coordenação do Ministério da Educação e Cultura e participação e colaboração de milhares de educadores e da sociedade civil organizada;

2. O empenho e dedicação demonstrados pelos professores e gestores das escolas de Ensino Fundamental de todo o Brasil na construção, implementação e continuidade da BNCC;

3. A formação continuada dos professores;

4. A participação colaborativa e tomada de conhecimento, de fato, por toda a sociedade, da implementação e continuidade da BNCC;

5. A elaboração de materiais didáticos com base nos objetivos, competências e habilidades, inter-relacionados, definidas pela BNCC;

6. A intensificação da apresentação de programas educativos em canais de TV;

7. A intensificação do uso de tecnologias digitais e inclusão de outros conhecimentos relevantes, tais como: álgebra, transformações geométricas/matrizes, etc.;

8. A continuidade e criação de mais escolas de ensino profissionalizante de nível médio nas mais diferentes áreas do conhecimento: agricultura, pecuária, eletrônica, mecânica, automação, eletricidade, informática, construção civil, contabilidade, etc..

Certamente, estes e muitos outros caminhos trilhados hoje e no futuro garantirão o sucesso da Base Nacional Comum Curricular que constitui a base da educação e do progresso do Brasil.

Leia também
Estrada usada por crianças para ir à escola no interior de Vacaria recebe melhorias da prefeitura
Caxias do Sul, uma cidade plural 
Câmara de Nova Petrópolis prevê economia anual de mais de R$ 78 mil com redução de vereadores

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros