Identificado caminhoneiro que morreu em acidente na ERS-122 em Farroupilha  - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Trânsito 21/06/2019 | 19h14Atualizada em 08/07/2019 | 17h22

Identificado caminhoneiro que morreu em acidente na ERS-122 em Farroupilha 

Motorista teria perdido controle quando cabine do caminhão abriu 

Identificado caminhoneiro que morreu em acidente na ERS-122 em Farroupilha  Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Wanderlei Lucas Heinzen, 40 anos, morreu em um acidente na tarde desta sexta-feira (21).  Já são três mortes registradas no trânsito na Serra durante o feriadão de Corpus Crhisti. Outras duas pessoas morreram em uma colisão em Vacaria na tarde desta quinta-feira (20). 

Heinzen dirigia um caminhão, com placas de Lindolfo Collor, no sentido Farroupilha/Porto Alegre. A colisão ocorreu no km 48 da ERS-122, um quilômetro antes da curva da morte, em Farroupilha. Natural de Dois Irmãos, o caminhoneiro trabalhava há dois para uma empresa de materiais de construção. Ele voltava da Serra para a cidade natal. 

Leia mais
Uma pessoa morre e outra fica ferida em acidente na ERS-122 entre Farroupilha e São Vendelino
Morre segunda vítima do acidente na BR-116 em Vacaria
Vítima de acidente internada em Vacaria recebeu alta nesta madrugada
Motorista que colidiu em poste ao fugir da polícia em Caxias do Sul está em estado grave 

O passageiro do caminhão Bruno Rodrigues da Silva, 26, também se feriu. Ele foi levado ao Hospital São Carlos. De acordo com o Grupo Rodoviário da Brigada Militar de Farroupilha, o jovem estava consciente quando foi socorrido. O hospital não repassou informações sobre o estado de saúde de Silva. 

Ainda de acordo com a corporação, conforme o passageiro,  a cabine teria aberto, fazendo com que o motorista perdesse o controle do veículo, saído da pista, e batido contra um eucalipto na margem da rodovia. 

O Instituto Geral de Perícias (IGP) esteve no local para realizar o levantamento. O laudo  da perícia mecânica do veículo deve ficar pronto em 15 dias. 

Leia também
Caxias do Sul quer fazer parte da região das Hortênsias
Sobe para cinco o número de casos de H1N1 na Serra
Ponto de Safra, em Caxias, movimenta R$ 4 milhões no primeiro semestre








 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros