Caxias do Sul registra mais um foco do mosquito de Aedes aegypti e número sobe para 26 - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Saúde13/05/2019 | 15h01Atualizada em 13/05/2019 | 15h01

Caxias do Sul registra mais um foco do mosquito de Aedes aegypti e número sobe para 26

Bento Gonçalves tem índice superior, com 30 casos

Caxias do Sul registra mais um foco do mosquito de Aedes aegypti e número sobe para 26 Lucas Teles  / Divulgação /Divulgação
Bento Gonçalves tem índice superior, com 30 casos Foto: Lucas Teles / Divulgação / Divulgação

O número de criadouros do mosquito Aedes aegypti encontrados em Caxias do Sul segue crescendo. Um novo foco foi localizado nesta semana pelos agentes em uma residência, dentro de um pote, no bairro Centenário, durante visitas de rotina. Com esse, a cidade já soma 26 somente neste ano. 

 Leia mais:
Dois municípios mais populosos da Serra têm salto de mais de 135% em focos de Aedes aegypti
Caxias e Bento já registram mais do que o dobro de focos do mosquito Aedes Aegypti 

O último foco havia sido registrado no dia 8, no bairro Esplanada, ponto de maior concentração do mosquito neste ano. Até agora, foram oito. O dado se torna ainda mais alarmante quando comparado com a totalidade do ano anterior: em 2018, 17 criadouros foram encontrado pelos agentes em Caxias.

Além do Esplanada, outros nove bairros ou loteamentos do município concentram os focos do Aedes. São eles: Alvorada (6), Bela Vista (1), Centenário (1), Desvio Rizzo (1), Mariani (1), Presidente Vargas (2), Salgado Filho (1), Santa Lúcia Cohab (4) e Nossa Senhora das Graças (1).

Bento Gonçalves

 Já o município vizinho registrou 30 focos neste ano. O número aponta um aumento de 24 focos em relação a 2018. Entretanto, a cidade ainda não registrou nenhum caso das doenças causadas pelo mosquito.  

 Dicas de prevenção ao mosquito:
- Limpar com escovação semanal o recipiente de água dos animais domésticos;
- Recolher o lixo do pátio;
- Colocar o lixo ensacado para ser recolhido pela Codeca;
- Recolher pneus inservíveis e armazená-los em locais secos e protegidos da chuva; ou encaminhar ao Ecoponto da Codeca (tem custo de R$ 1,65 por pneu, para o morador que entregar o pneu seco na Codeca);
- Tampar caixas d'água;
- Colocar telas milimétricas em caixas d'água descobertas, reservatórios de captação de água da chuva e nos ralos;
- Limpar as calhas;
- Semanalmente, lavar e escovar piscinas plásticas, trocando a água;
- Eliminar os pratinhos das plantas. 

 Leia também
Jovem de 19 anos morre em acidente na BR-470, em Vila Flores Assaltante morre em confronto com a polícia em Bento Gonçalves
Fim da substituição tributária pode baixar até 20% preço do vinho gaúcho
Confira os números sorteados no concurso 2.150 da Mega-Sena  


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros