Segurança da Festa da Uva terá mais de 170 agentes - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Caxias do Sul13/02/2019 | 14h30Atualizada em 13/02/2019 | 15h50

Segurança da Festa da Uva terá mais de 170 agentes

Brigada Militar solicitou reforço que se soma a contingente de órgãos públicos e segurança privada

Segurança da Festa da Uva terá mais de 170 agentes Lucas Amorelli/Agencia RBS
Evento começa no dia 22 de fevereiro Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

 A organização da Festa da Uva 2019 anunciou na manhã desta quarta-feira (13) as estratégias para reforçar a segurança da população durante os 18 dias de evento, que começa no próximo dia 22, em Caxias do Sul. O planejamento contém as principais iniciativas previstas pela Comissão Comunitária, em conjunto com a prefeitura e órgãos de segurança do município. Serão 174 profissionais da área — entre agentes de instituições públicas e privadas —  atuando no interior dos Pavilhões, entorno da área e pontos estratégicos do município. Nesse contingente, estão incluídos agentes do 12º Batalhão de Polícia Militar (12º BPM), Guarda Municipal, Fiscalização de Trânsito e segurança privada.  

Somente na área privada, são 80 seguranças contratados para atuar exclusivamente nos Pavilhões. Já a Guarda Municipal vai dispor de mais 12 servidores para o patrulhamento, que vai contar ainda com duas motocicletas e uma viatura permanentemente.   

De olho nos turistas, já que a rede hoteleira tem uma ocupação de 75% para a Festa da Uva, a Brigada Militar (BM) estende a atuação para pontos considerados estratégicos no município: como as áreas turísticas, desfiles e Pavilhões da Festa. São locais em que normalmente ocorre um aumento do fluxo de pessoas, como o entorno da Igreja São Pelegrino, Catedral Diocesana, Estação Férrea, rodoviária e os próprios Pavilhões.  

Para tentar contemplar a maior necessidade de segurança, o subcomandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (12° BPM), Major Emerson Ubirajara de Souza, solicitou ao Estado o envio de mais policiais e aporte de horas extras para abranger as ações em Caxias do Sul durante a Festa. Serão enviados nos próximos dias 20 agentes da Força Gaúcha de Pronta Resposta (FGPR), formada por membros da reserva que atuam em cidades gaúchas.

Além disso, também devem estar em Caxias do Sul no período da Festa da Uva, 22 policiais da ativa que virão exclusivamente para se somar às iniciativas de patrulhamento no município. A ação da BM, no entanto, se estende para além da estrutura dos Pavilhões.    

— A segurança durante a Festa da Uva abrange toda a cidade. Em paralelo ao crescimento de turistas, temos uma série de eventos que acontecem ao mesmo tempo, como o Carnaval e jogos do Campeonato Gaúcho. Temos que dar conta da segurança em todos  — relata Ubirajara.   

São 23 postos fixos em que a Brigada vai atuar no Parque. Não serão todos que vão contar com policiamento fixo, mas aqueles que estão localizados em áreas de maior concentração de pessoas no Parque.  

Números da segurança na Festa 

  • 46 câmeras de monitoramento no Pavilhões da Festa 
  • 27 postos da Brigada Militar  
  • 80 guardas privados  
  • 12 guardas municipais  
  • 42 policiais militares (entre ativos e da reserva)  
  • 40 agentes da fiscalização de trânsito 

Ônibus e transporte  

A Visate terá duas linhas especiais que conduzem aos pavilhões a partir do dia 22 de fevereiro. São as linhas do trajeto da Escola Presidente Vargas/ Pavilhões/ Escola Presidente Vargas e do Shopping Iguatemi/ Estação Floresta/ Pavilhões.  

Nos dias úteis, de segunda a sexta, as linhas operam com um espaço de 30 minutos entre as saídas. Aos sábados, o período é de 20 minutos entre as linhas, e no período de maior movimentação, no domingo, de 15 minutos.  

Leia mais
Prazo para solicitação de licença de ambulante na Festa da Uva é prorrogado
Cerca de 30 mil ingressos antecipados já foram vendidos para a Festa da Uva
Às vésperas da Festa da Uva, estradas estaduais do entorno de Caxias não têm previsão de manutenção

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros