Ensaios para desfile da Festa da Uva devem começar na próxima semana - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Está chegando!14/01/2019 | 10h35

Ensaios para desfile da Festa da Uva devem começar na próxima semana

Serão quatro encontros que ensinarão coreografia aos voluntários

Ensaios para desfile da Festa da Uva devem começar na próxima semana Juan Barbosa/Agencia RBS
Foto: Juan Barbosa / Agencia RBS

 Após terem encerrado neste domingo (13) as inscrições de interessados em desfilar na Festa da Uva, a equipe de evolução do corso alegórico passa a trabalhar com a divisão dos voluntários por alas. Os ensaios devem começar na próxima semana, de acordo com o diretor artístico do desfile, Matheus Brusa. O número de inscritos será divulgado ao longo desta segunda-feira (14). A expectativa inicial era de que mil pessoas, entre voluntários e bailarinos profissionais, desfilassem na Sinimbu. Para as apresentações que ocorrem nos Pavilhões da Festa da Uva, o número deve ser menor em função do espaço reduzido.

Voluntários terão quatro ensaios em que aprenderão suas tarefas durante a apresentação. Cada encontro deve ter duração de 1h15min. Os ensaios irão ocorrer na sala de teatro Valentim Lazzarotto, que integra o complexo do Centro de Cultura Ordovás. Moradores dos distritos não precisarão se deslocar, já que a equipe deve ir ao interior e ensaiar os grupos em cada localidade.

— Nós fizemos um cadastro bem detalhado dos voluntários, para que agora a equipe de evolução pegue esta centena de pessoas e as divida da melhor forma, na melhor alegoria. Alguns figurantes irão desfilar em carros alegóricos, outros no chão. Outros irão manusear alguns adereços, vamos dar todas as condições nos quatro ensaios — detalha Brusa.

A apresentação que o público verá é a mesma nos dois cenários - tanto no Centro, quanto nos Pavilhões. O que muda, efetivamente, é a quantidade de pessoas que irão desfilar em cada um dos espetáculos. Na última edição da Festa da Uva, em 2016, 1,4 mil desfilaram na Rua Plácido de Castro.

Se na Sinimbu a estimativa é de uma hora e meia de espetáculo, nos Pavilhões deve durar cerca de uma hora. Um espetáculo mais coreografado, cênico e artístico é o que a equipe pretende entregar ao espectador, indiferente do endereço. No final de janeiro, um vídeo será gravado para que circule nas redes sociais da Festa da Uva e mostre ao público os passos da coreografia que será reproduzida no desfile. A ideia é que, ao final de cada refrão, o público possa reproduzir uma coreografia que será ensinada previamente pela direção do espetáculo. O público terá acesso ao material em fevereiro, dias antes do evento. 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros