Combate a incêndio em Bom Jesus chama atenção por más condições do caminhão utilizado - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Ocorrência11/12/2018 | 11h09Atualizada em 11/12/2018 | 11h43

Combate a incêndio em Bom Jesus chama atenção por más condições do caminhão utilizado

Veículo da prefeitura está em operação há mais de 30 anos

Combate a incêndio em Bom Jesus chama atenção por más condições do caminhão utilizado Diogo Sallaberry / Agência RBS/Agência RBS
Foto: Diogo Sallaberry / Agência RBS / Agência RBS

A ocorrência de um incêndio em residência atendida por volta das 14h40min de segunda-feira, no Centro de Bom Jesus, chamou a atenção pelas condições do caminhão utilizado para apagar as chamas. 

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, o caminhão é utilizado há 28 anos e tem sido "extremamente útil para primeiro combate das chamadas". O tanque tem capacidade para 2,5 mil litros. O veículo fica estacionado na Secretaria de Obras de Bom Jesus. 

De acordo com a prefeitura, não se sabe ao certo a data de fabricação do caminhão, porque ele é "montado" pela comunidade. A prefeitura o recebeu em 1990, mas acredita que ele tenha sido fabricado entre as décadas de 1960 e 1970. A cabine original do veículo teria sido substituída por uma peça provavelmente da década de 1980.

Uma emenda parlamentar foi realizada para pedir a compra de um novo caminhão, mas deputados afirmaram que não podem repassar a verba pois é obrigação do governo do Estado. Ainda segundo a assessoria da prefeitura, o Estado alega que não tem recurso e que precisa priorizar municípios que tem bombeiros militares para realizar atendimento.

A ocorrência

Foto: Rogério Machado / RM FlY imagens áreas

De acordo com a prefeitura de Bom Jesus, o chamado foi atendido por cinco bombeiros civis voluntários, capacitados pela administração municipal, uma vez que a cidade não tem Corpo de Bombeiros. Dos voluntários, três são servidores da Secretaria de Obras e atuam como carpinteiro, operador de máquinas e borracheiro. Outros dois são ex-servidores do município.

Os bombeiros civis conseguiram controlar as chamas antes mesmo da chegada dos bombeiros militares de Vacaria, acionados como apoio. A equipe, que chegou no local por volta das 15h20min, fez o rescaldo. Uma casa e um galpão que ficam ao lado da residência em chamas foram atingidos. Ninguém ficou ferido.

Leia também
Marcopolo quer levantar até R$ 70 milhões com venda de ações
"Pode ser que algumas guaritas não tenham salva-vidas", afirma subcomandante dos Bombeiros
Desaparecimentos de pessoas desafiam investigações e angustiam famílias na Serra

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros