Superaquecimento em fábrica da Neobus provoca evacuação de trabalhadores em Caxias - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Susto17/11/2018 | 13h18Atualizada em 17/11/2018 | 13h49

Superaquecimento em fábrica da Neobus provoca evacuação de trabalhadores em Caxias

Problema ocorreu na manhã deste sábado na unidade de plásticos

Superaquecimento em fábrica da Neobus provoca evacuação de trabalhadores em Caxias Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Em setembro do ano passado, um incêndio consumiu a unidade de plásticos da Marcopolo, também em Ana Rech Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

O superaquecimento em equipamentos do setor de laminação da unidade Plásticos da Neobus, uma das fábricas da Marcopolo em Ana Rech, em Caxias do Sul, determinou a evacuação do pavilhão, em respeito a normas de segurança. O problema ocorreu pouco antes das 7h.

Leia mais
Incêndio atinge unidade de plásticos da Marcopolo no bairro Ana Rech, em Caxias

De acordo com a assessoria de comunicação da fabricante de ônibus, como não foi um incêndio, após o alarme ser disparado por conta do superaquecimento e da posterior evacuação, a fábrica voltou a trabalhar normalmente.

Completou em setembro um ano do incêndio que consumiu a unidade de plásticos da Marcopolo, também em Ana Rech. Mais de 13 mil moldes foram perdidos, porque o prédio atingido concentrava a produção de itens de carrocerias de ônibus para outras plantas fabris da multinacional de origem caxiense. Um novo pavilhão com uma nova fábrica, orçados em R$ 50 milhões, estão sendo finalizados. 

Leia também
Serra terá atendimento prejudicado com saída de médicos cubanos
Incêndio destrói duas casas no bairro Pioneiro em Caxias
Confira os detalhes de como serão os desfiles cênicos da Festa da Uva
Mesmo em novo local, Parada Livre espera receber 10 mil pessoas em Caxias

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros