Sistema de prontuário eletrônico gera aumento de fila em Centro Especializado de Saúde, em Caxias - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Espera05/11/2018 | 14h36Atualizada em 05/11/2018 | 14h36

Sistema de prontuário eletrônico gera aumento de fila em Centro Especializado de Saúde, em Caxias

Novo modelo deve garantir mais agilidade no atendimento, mas previsão é que movimentação se normalize ao longo dos próximos dias  

Sistema de prontuário eletrônico gera aumento de fila em Centro Especializado de Saúde, em Caxias Marcelo Passarella/Secretaria da Saúde
Fila em frente ao CES gerou tempo de espera de aproximadamente uma hora Foto: Marcelo Passarella / Secretaria da Saúde

O Centro Especializado de Saúde (CES), localizado na Rua Sinimbu, no Centro de Caxias do Sul, registrou grande movimentação na manhã desta segunda-feira (5). A triagem dos pacientes que necessitam de medicamentos, ou que precisam realizar coleta de exames, demora cerca de uma hora, o que é motivo para a formação de grandes filas do lado de fora e lotação da sala de espera na parte interna.

O maior volume de usuários do SUS já era aguardado pela Secretaria da Saúde por conta do primeiro dia de funcionamento do novo sistema de prontuário eletrônico, que está sendo implantado gradualmente em toda a rede de atenção básica do município e nas 49 Unidades Básicas de Saúde (UBSs).  

Segundo a gerente do CES, Aline Maroneze, com o prontuário eletrônico, o histórico do paciente fica armazenado digitalmente e acessível para todo o sistema e garante maior agilidade. 

— Realizamos um treinamento com os servidores e eles estão passando por uma fase de adaptação ao novo modelo, então é natural que no primeiro dia ocorra uma demora maior, mas a tendência é que o atendimento se normalize ao longo da semana e inclusive traga maior agilidade nos procedimentos. Isso se somou ao fato de estarmos em uma segunda-feira, um dia que normalmente registra mais usuários — destaca Aline.  

A estudante de Direito Natalia Soares permaneceu cerca de uma hora na fila e teve que desmarcar compromissos de trabalho para buscar o medicamento para tratamento de ansiedade.  

— Até marquei outros compromissos, mas minha prioridade é o remédio. Venho a cada quatro meses buscar e não posso ficar sem. Meu medo é chegar no final da fila e não ter o remédio. Mas acho que é muito importante ter o medicamento sem precisar ter que pagar — avalia.    

Outro impacto da implantação do prontuário eletrônico é que fecharam nesta segunda-feira as Unidades Básicas de Saúde dos bairros Ana Rech, Bela Vista, Cristo Operário, Eldorado, Planalto, São Ciro e Serrano. Nesta terça-feira (6), fecham para a instalação do novo sistema as UBS’s dos bairros Campos da Serra, Cruzeiro, Diamantino e São Victor Cohab. O posto de saúde do bairro Diamantino, que funciona em horário estendido, permanece fechado das 7h30min às 17h. A partir das 17h, reabre as portas até as 21h.  

A orientação para os usuários que buscam atendimentos eletivos nos dias em que a UBSs de seu bairros estiverem fechadas é que aguardem a abertura da unidade de saúde no dia seguinte, já que o serviço será retomado normalmente nesta terça (6). Os pacientes que precisarem de atendimentos de curativos, retirada ou aplicação de medicamentos devem se dirigir a unidade mais próxima que esteja aberta. Casos de urgência e emergência devem se dirigir à Unidade de Pronto Atendimento 24h da Zona Norte (UPA 24h).

Leia também
Acidente entre caminhão e van escolar deixa crianças com ferimentos leves na BR-470
Esgoto escorre de barranco e causa reclamações no bairro São Leopoldo

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros