Festa Nacional do Vinho de Bento Gonçalves deve voltar a ser realizada em 2019 - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Retomada07/11/2018 | 15h00Atualizada em 07/11/2018 | 15h09

Festa Nacional do Vinho de Bento Gonçalves deve voltar a ser realizada em 2019

Nova Fenavinho será coordenada pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC) da cidade

Festa Nacional do Vinho de Bento Gonçalves deve voltar a ser realizada em 2019 Nereu de Almeida/Agencia RBS
Formato definitivo da Fenavinho deve ser apresentado em 2022, quando a festa passará a ser realizada a cada dois anos. Foto: Nereu de Almeida / Agencia RBS
Gaúcha Serra

Depois de um hiato de oito anos, a Festa Nacional do Vinho (Fenavinho)
de Bento Gonçalves deve voltar a ser realizada em 2019.  O Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC-BG) coordena as tratativas para a retomada da festa que não ocorre desde 2011.  

Conforme o presidente da CIC-BG, Elton Gialdi, as negociações com os credores da Fenavinho estão em fase avançada. A entidade ainda não fala em valores, mas o anúncio oficial deve ocorrer ainda em novembro, após todos trâmites legais e administrativos.

— Estamos realizando todos os passos com tranquilidade e seriedade, para que tudo aconteça da forma correta. Mas, estamos otimistas quanto ao resgate da Fenavinho em 2019 – explica Gialdi.  

A Organização da Sociedade Civil de Interesse público (OSCIP) que controlava a marca Fenavinho até a sua última edição, em 2011, deve ser extinta e a tutela da festa deve passar para o CIC-BG. 

Sobre o formato da nova festa, Gialdi afirma que em 2019 e em 2020 será feito um resgate da Fenavinho. Nesses dois anos elas devem acontecer em um escopo experimental para testar o melhor período do ano, as melhores atrações e o melhor formato da festa. 

O formato definitivo deve ser apresentado em 2022, quando a festa passará a ser realizada a cada dois anos. O evento deve ser mantido no Fundaparque.  

Leia também
A centenária Estação Férrea de Garibaldi é parte importante para o desenvolvimento da Serra
Memória: Getúlio Vargas e a inauguração do Samdu em 1954
MP pede a moradores de Vila Cristina que debatam a falta de creche na comunidade

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros