Famílias do interior de São Marcos estão sem luz há seis dias - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Temporal05/11/2018 | 17h08Atualizada em 05/11/2018 | 20h21

Famílias do interior de São Marcos estão sem luz há seis dias

RGE afirma que equipes trabalham nas localidades e prevê retorno a da energia para as próximas horas

Famílias do interior de São Marcos estão sem luz há seis dias Prefeitura de São Marcos/Divulgação
Vento chegou a partir árvores ao meio na localidade de Linha Tuiuti Foto: Prefeitura de São Marcos / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

O temporal que destelhou casas, derrubou árvores e postes e causou milhões em prejuízos nas lavouras da Serra ocorreu no início da madrugada da última quarta-feira (31), mas ainda há moradores sem energia elétrica na região. No interior de São Marcos, por exemplo, famílias em pelo menos três localidades ainda sofrem com o problema. 

Leia mais
Temporal com vento forte destelha casas e derruba árvores em Caxias e região
São Marcos e Flores da Cunha decretam situação de emergência após estragos da chuva
Comunidades do interior da Serra já estão há três dias sem luz

Jaqueline Becker de Moraes, 32, é moradora da Linha Marechal Deodoro e proprietária de dois aviários na localidade. Na madrugada desta segunda-feira (5), ela entrou no sexto dia sem energia. 

— Na quarta-feira (dia 31), ficamos isolados. Os moradores fizeram um mutirão e cortaram as árvores caídas na pista para ir até a cidade. De lá para cá, sempre recebemos a mesma informação, de que a RGE está ciente do problema e tomando as devidas providências — conta.

Jaqueline diz que está usando um gerador movido a óleo diesel para manter o aviário funcionando.

— São 64 mil frangos, necessita 100 litros (de combustível) por dia. Estamos tendo um gasto muito alto — reclama.

Interior de são Marcos segue sem energia. Localidades ainda aguardam reparo de fiação depois do temporal da última semana
Fiação elétrica segue caída em parte das comunidades ruraisFoto: Jaqueline de Moraes / Divulgação

Outra aviário vizinho também recorreu a um gerador para manter as atividades básicas funcionando, mas haveria pelo menos outras dez famílias sem luz na Linha Marechal Deodoro, Linha Zambecari e Linha Tuiuti.

Conforme Jaqueline, postes já foram trocados, mas a fiação elétrica segue caída. A prefeitura do município afirma que as estradas já foram liberadas para que a Rio Grande Energia (RGE) pudesse restabelecer o serviço. 

Por e-mail, a concessionária informou que a "tendência é de normalização do fornecimento nas próximas horas", dependendo da complexidade dos danos. A RGE não informou quantos clientes ainda estão sem energia na região pois tratam-se de atendimentos "pontuais e individuais".

Confira a nota na íntegra:

Após temporais de forte intensidade, como o do dia 31 de outubro, com danos de grande porte nas redes elétricas, o trabalho de reconstrução permanece por alguns dias. A sequência de recomposição da rede obedece a padrões técnicos, priorizando os grandes equipamentos, como subestações e linhas; depois os circuitos de média tensão; e, por fim, a baixa tensão. Quando chega nessa etapa — baixa tensão — os atendimentos passam a ser pontuais e individuais. Essa sequência de trabalho é obrigatória, uma vez que de nada adiantaria consertar um dano em baixa tensão se há outros danos impedindo a passagem da energia nas redes de alta ou média tensão. Todos os clientes dessas localidades estão sendo atendidos pelas equipes da RGE e a tendência é de normalização do fornecimento nas próximas horas.

Leia também
Clean Bandit, Anitta e Alok: confira as atrações do Planeta Atlântida 2019
Pioneiro completa 70 anos comprometido com a comunidade regional e com as suas demandas

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros