Serra busca junto ao Comando da Brigada formar novos policiais em Caxias - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Novos policiais24/09/2018 | 11h40Atualizada em 24/09/2018 | 11h40

Serra busca junto ao Comando da Brigada formar novos policiais em Caxias

Ainda não há confirmação sobre a destinação para a região dos 2 mil aprovados em concurso no Estado

Serra busca junto ao Comando da Brigada formar novos policiais em Caxias Mateus Bruxel/Agencia RBS
Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

O Comando Regional de Policiamento Ostensivo da Brigada Militar na Serra (CRPO/Serra) apresentou ao comando geral da corporação a sugestão de formar parte dos novos soldados em Caxias do Sul. Na última sexta-feira (21), foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Estado a autorização para a Secretaria da Segurança Pública chamar 2 mil aprovados em concurso realizado no ano passado. Nesta semana, deve ser publicada no Diário Oficial do Estado a lista com os nomes dos aprovados. 

Conforme o comandante do CRPO/Serra, coronel Ricardo Fraga Cardoso, a cidade tem capacidade de receber até duas turmas de 30 alunos-soldados cada, totalizando 60, considerando capacidade de alojamento e estrutura para o curso, como a disponibilidade de salas de aula, por exemplo. Ainda é aguardada, no entanto, uma definição por parte do comando da Brigada Militar.  

A destinação dos novos policiais já formados também não está definida ainda. A previsão do governo é de que os policiais iniciem o curso de formação em novembro e estejam aptos a atuar na metade de 2019. 

— No caso de virem novos policiais para a Serra, vamos analisar a incidência de crimes para priorizar os locais que receberão os soldados — explica o comandante.

As três maiores cidades da Serra combinadas - Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Farroupilha - têm uma média de 285 roubos por mês. Neste ano, Bento Gonçalves tem chamado atenção também pelo alto índice de assassinatos: foram 37 casos contra 34 de todo o ano passado, uma taxa de 31 assassinatos por 100 mil habitantes - superior à de Caxias do Sul, que é de 18 por 100 mil.

Leia mais
Saiba por que 2018 é o ano mais violento na história de Bento Gonçalves
Homem é assassinado a tiros em Bento Gonçalves e cidade ultrapassa o número de mortes de 2017

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros