Prefeitura de Cotiporã quer auxiliar em projeto de nova ponte na divisa com Bento  - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Rio das Antas 05/09/2018 | 15h49

Prefeitura de Cotiporã quer auxiliar em projeto de nova ponte na divisa com Bento 

Daer disse que não foi procurado oficialmente mas que está aberto a receber demanda 

Prefeitura de Cotiporã quer auxiliar em projeto de nova ponte na divisa com Bento  Renan Lunardi/Divulgação
A estrutura da atual ponte fica submersa sempre que o nível do Rio das Antas sobe Foto: Renan Lunardi / Divulgação
Gaúcha Serra

A prefeitura de Cotiporã planeja auxiliar em projeto para a construção de uma nova ponte sobre o Rio das Antas, na divisa entre o município e Bento Gonçalves. A ponte atual, que é um dos principais acessos ao município, fica em uma estrada municipal que liga a RS-359, em Cotiporã, a RS-431, em Bento Gonçalves. A estrutura fica submersa sempre que o nível do Rio das Antas sobe. A última interdição ocorreu no domingo e foi a segunda vez que isso ocorreu somente em 2018.  

Conforme o prefeito do município, José Carlos Breda, ainda não existe um projeto técnico da nova estrutura. O município diz que espera o aval do DAER para a elaboração.  Conforme o prefeito,  a cidade aguarda a construção da nova ponte desde 2015 e a prefeitura estaria disposta a bancar o projeto com recursos próprios ou por meio de convênio com Bento Gonçalves. Mas, para que isso seja iniciado, é preciso que o departamento estadual aponte onde deve ficar a nova estrutura.

Segundo o diretor do Daer, Rogério Uberti, não existe atualmente no departamento nenhum projeto de construção de uma nova ponte no local. Além disso, ele destaca que não foi procurado oficialmente sobre o assunto, mas reitera que o órgão está aberto para a discussão da demanda. 

Uberti aponta que o trecho do Rio da Antas entre os dois municípios é uma área de difícil transposição. E que para iniciar qualquer projeto é preciso um estudo aprofundado do local. 

A estimativa da prefeitura de Cotiporã é de que o projeto custe em torno de R$ 300 mil. Já a construção da ponte, cerca de R$ 20 milhões.  O valor para a obra seria captado pela prefeitura por meio de emendas parlamentares e junto ao Ministério da Integração. 

Leia também:
Crise na Argentina impacta exportações de Caxias do Sul

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros