Licitação para reforma do Postão de Caxias tem apenas uma empresa habilitada - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

SUS24/09/2018 | 14h08

Licitação para reforma do Postão de Caxias tem apenas uma empresa habilitada

Proposta foi aberta nesta segunda-feira e agora passará por julgamento

Licitação para reforma do Postão de Caxias tem apenas uma empresa habilitada Porthus Junior/Agencia RBS
Reforma do Postão pode custar até R$ 698 mil, mas o valor apresentado pela empresa interessada ainda não foi divulgado Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Apenas uma empresa foi habilitada na licitação para escolher a responsável pela reforma do Postão 24 Horas, no centro de Caxias do Sul. É a Técnica Construções Ltda, que teve a proposta aberta na manhã desta segunda-feira (24). Agora, a prefeitura fará a análise do conteúdo e, depois, divulgará o resultado. Duas empresas haviam manifestado interesse na obra, mas uma delas foi desclassificada por falta de documentos técnicos exigidos.

A reforma do Postão pode custar até R$ 698 mil, mas o valor apresentado pela empresa interessada ainda não foi divulgado. A definição sobre se haverá alterações no atendimento durante as intervenções também depende da proposta. 

Leia mais
Sindicato denuncia problemas no Postão 24h de Caxias
Duas empresas têm interesse em transformar Postão de Caxias do Sul em UPA

A prefeitura quer reformar o Postão para que a estrutura seja habilitada e qualificada como Unidade de Pronto Atendimento (UPA) nível III. Com isso, o serviço poderá receber até R$ 525 mil por mês dos governos federal e estadual. Atualmente, o pronto atendimento é custeado apenas com verbas municipais. 

A reforma resultará na ampliação da sala de urgência, na construção de rampa de acesso exclusivo de macas à sala de urgência e na construção de dois quartos individuais de curta duração. Serão feitas também adequações de piso, forro e instalações em geral, além de pintura.

Leia também
Serra busca junto ao Comando da Brigada formar novos policiais em Caxias
Três de cada cinco cidades da Serra não bancam suas despesas sozinhas


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros