Em Caxias, campanha alerta para os perigos de usar o celular no trânsito - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Prevenção 18/09/2018 | 15h34Atualizada em 18/09/2018 | 19h39

Em Caxias, campanha alerta para os perigos de usar o celular no trânsito

Atividades da Semana Nacional do Trânsito começaram nesta terça-feira e seguem até o dia 25 

Em Caxias, campanha alerta para os perigos de usar o celular no trânsito Lucas Amorelli/Agencia RBS
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

Uma olhadinha rápida para o lado para conferir uma simples mensagem no celular é o suficiente para causar um estrago, e até a morte de alguém, no trânsito. Para combater o uso do telefone ao volante, a Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) de Caxias do Sul lançou nesta terça-feira a campanha Celular e Trânsito: Uma Ligação Perigosa. Uma ação de conscientização ocorreu na Rua Sinimbu, em frente à Praça Dante Alighieri, e marcou o início da Semana Nacional do Trânsito.

Dados comprovam que a utilização do celular ao volante tira a atenção do motorista e aumenta a chance de ocasionar acidentes. Conforme a Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), uma pessoa leva em média de 20 a 23 segundos para enviar uma mensagem de texto com informações básicas. Na prática, significa que, se deslocando a 60 km/h, o motorista percorrerá quatro quadras enquanto utiliza o aparelho. 

— O celular é o terceiro causador de morte no trânsito no Brasil. Temos de conscientizar tanto os condutores quanto os pedestres, porque vemos muita gente caminhando, usando fone de ouvido e mexendo no celular. Isso gera um risco grande de atropelamento, por exemplo — alerta o gerente de Educação para o Trânsito da SMTTM, Joelson Queiroz. 

Nos oitos primeiros meses do ano, 1,9 mil motoristas foram flagrados utilizando o celular em Caxias. O número corresponde a oito infrações por dia. Então, se alertar e educar não são o suficiente, a alternativa é fazer com que doa no bolso do motorista: o uso do aparelho, no ouvido, como telefone, gera multa de R$ 130,16. Para quem manuseia ou segura o celular, a penalização é de R$ 293,47. Nas duas situações, há perda de pontos na Carteira Nacional de Habilitação. 

— Eu sou a favor de a gente não atender o celular, porque ficamos prestando atenção no que a pessoa está falando e nos distraímos completamente — apoia a pedagoga Fernanda Melo Brados, 47 anos, uma das abordadas na blitz. 

O agricultor Adão Alves da Silva, 69, ensina:

— O celular fica no bolso ou aqui em cima (apontando para o painel). Não podemos mexer.

E quem acha que usar o telefone no viva voz não gera multa está enganado, segundo Queiroz:

— Usar o viva voz, o bluetooth, entre outros, configura, sim, uma infração, porque você está usando o celular para se comunicar. Não pode mexer nem quando o carro está parado no semáforo.

Mesmo sabendo disso, há quem  não resista a dar uma espiada:

— Hoje, o meu celular está na bolsa. Mas não fica sempre ali. Às vezes a gente se pega (olhando), sim... — admite uma motorista. 

FIQUE ATENTO!

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 18/09/2018Lançamento da Campanha contra o uso de celular no trânsito. (Lucas Amorelli/Agência RBS)
Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

# Se precisar pegar o celular para conferir a última ligação ou a notificação mais recente, estacione o veículo. 

# Mesmo com o veículo parado em semáforos ou pedágios, a utilização do aparelho não é permitida.

# Programe o seu celular para enviar uma mensagem automática para quem ligar enquanto você estiver dirigindo.

# Acesse o GPS ou os aplicativos de informações sobre o trânsito com o carro parado, antes de iniciar o trajeto. 

# Para os pedestres, escrever mensagens de texto e usar fones de ouvido aumentam o risco de atropelamento; é preciso atenção redobrada ao atravessar a rua, principalmente em cruzamentos. 

Fonte: SMTTM

Atividades seguem até o dia 25

As ações da Semana Nacional do Trânsito seguem até a próxima terça-feira. Uma das atividades de destaque é o curso Mecânica de Bigode, que ocorre na segunda, dia 24. A capacitação será dividida em duas etapas: na primeira, os motoristas acompanham uma palestra com orientações teóricas de procedimentos a serem realizados no veículo em caso de problemas. Em seguida, partem para a prática, simulando uma troca de pneus e tirando outras dúvidas sobre o tema. As inscrições para participar do curso podem ser feitas pelos telefones 3290-3955 ou 3290-3956, ou ainda pelo e-mail escolatransito@caxias.rs.gov.br. 

Já na terça, último dia da campanha, 16 alunos com deficiência intelectual da Escola Municipal Ruben Bento Alves, do bairro Santa Fé, receberão orientações sobre equipamentos, como semáforos e placas, além dos cuidados com a atenção em cruzamentos e vias movimentadas. Eles também aprenderão sobre noções de deslocamento na área central da cidade. A atividade será realizada no Centro.

Leia também:
Tá no ar: Beto em campanha pelo segundo voto
Nova Feira Sem Fronteiras, de Caxias, será semanal e integrada a Feira Ecológica 



 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros