Retirada de medicamentos na UPA de Caxias passará a funcionar 24 horas a partir de setembro - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Serviço22/08/2018 | 16h40Atualizada em 22/08/2018 | 16h40

Retirada de medicamentos na UPA de Caxias passará a funcionar 24 horas a partir de setembro

Hoje, medicação só é fornecida na unidade depois das 16h

Retirada de medicamentos na UPA de Caxias passará a funcionar 24 horas a partir de setembro Porthus Junior/Agencia RBS
Prefeitura vai renovar contrato com empresa que administra a instituição de saúde Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

A partir de 1º de setembro, as pessoas que forem atendidas na UPA Zona Norte, em Caxias do Sul, poderão retirar a primeira dose da medicação em qualquer horário. Atualmente, a medicação só pode ser retirada a partir das 16h.

Hoje, ao ser atendido na UPA, o paciente é medicado na consulta. Porém, ao receber a prescrição de medicamento do médico, o paciente só poderia retirar na UPA o remédio para o início do tratamento após as 16h. Antes desse horário, deve retirar na Unidade Básica de Saúde (UBS) da região onde mora. Nos finais de semana, quando as UBSs estão fechadas, a retirada de medicamentos na UPA já é 24 horas.

O secretário da Saúde de Caxias, Geraldo da Rocha Freitas Júnior, explica que um dos motivos para a ampliação do serviço é que, algumas vezes, os usuários não conseguiam chegar a tempo nas UBSs. Os postos de saúde fecham às 16h30min.

Júnior explica que a medida passa a valer em 1º de setembro para que a UPA possa se adequar. O secretário afirma ainda que a mudança na entrega da medicação estará no contrato de renovação com o Instituto de Gestão e Humanização (IGH), que administra a UPA. O contrato deve ser assinado nos próximos dias. 

Leia também:
Prefeitura de Caxias prorroga prazo para nomear médicos aprovados em concurso de 2016
Caxienses abrem boutique de produtos coloniais no Litoral

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros