Reunião entre grupos ciclísticos de Caxias vai debater pontos para receber ciclofaixas compartilhadas - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Espaço para pedalar13/07/2018 | 14h34

Reunião entre grupos ciclísticos de Caxias vai debater pontos para receber ciclofaixas compartilhadas

Ciclistas vão identificar trechos mais utilizados e encaminhar à Secretaria de Trânsito

Reunião entre grupos ciclísticos de Caxias vai debater pontos para receber ciclofaixas compartilhadas Roni Rigon/Agencia RBS
Avaliação final dos trechos contemplados ficará por conta da Secretaria de Trânsito Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Grupos ciclísticos de Caxias do Sul vão se reunir nas próximas semanas para discutir pontos que poderão receber ciclofaixas compartilhadas. O encontro ainda não tem data confirmada, mas está previsto para a primeira semana de agosto.

A ciclofaixa compartilhada permite que veículos e ciclistas dividam o espaço, desde que haja sinalização. A ideia foi apresentada à Secretaria de Trânsito pelo grupo Pedala Caxias na quinta-feira (5) da semana passada. De acordo com a fundadora e integrante do grupo, Karoline Turcatti, a sugestão do compartilhamento, em vez da criação de espaço exclusivo, ocorreu para que se identifique como os caxienses utilizam a bicicleta e quais os caminhos utilizados.

— Inserir uma ciclovia (faixa exclusiva com separação física) é muito complexo. Não adianta colocar e dizer "o ciclista vai andar aqui". A via compartilhada é um ensaio de ciclovia, que é uma mudança muito grande e demanda investimento. Quem sabe quando tivermos a ciclofaixa consolidada poderemos ter uma ciclovia — explica.

Os trechos apontados pelos grupos ciclísticos serão encaminhados para avaliação da Secretaria de Trânsito. A intenção é começar a implantação sinalizando as vias do interior, utilizada pelos ciclistas principalmente para a prática esportiva. Aos poucos, a ciclofaixas vão contemplar também a área urbana. Para definir os pontos, além dos caminhos usados para deslocamento, também devem ser levados em conta questões técnicas, como topografia.

Embora a ciclofaixa compartilhada permita a criação de espaços para ciclistas sem grandes investimentos, Karoline admite que dividir o espaço com os carros pode desestimular quem não tem experiência em pedalar. Para isso, ela acredita que a solução é trabalhar a conscientização de todos os agentes de trânsito.

— Hoje você não pode cobrar algo não existe, que passa batido na autoescola — destaca.

Leia também
Voges prevê desocupar área da Maesa em Caxias somente no fim de 2019
Comunidade faz campanha para tratar cachorro que foi baleado em Farroupilha
Ato em Caxias do Sul chama a atenção para os 28 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente 

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros