Psicólogas atenderão de forma voluntária mulheres vítimas de violência em Farroupilha - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 

Apoio20/07/2018 | 12h00Atualizada em 20/07/2018 | 12h01

Psicólogas atenderão de forma voluntária mulheres vítimas de violência em Farroupilha

Serviço faz parte de projeto piloto em parceria com a Coordenadoria da Mulher

Psicólogas atenderão de forma voluntária mulheres vítimas de violência em Farroupilha Tadeu Vilani/Agencia RBS
Em média, são 20 mulheres atendidas por mês na Coordenadoria de Farroupilha Foto: Tadeu Vilani / Agencia RBS

Três psicólogas vão oferecer sessões de terapia de forma voluntária por meio de uma parceria com a Coordenadoria da Mulher de Farroupilha. A prioridade é dar apoio a vítimas de violência doméstica, mas outras que não se identificam nessa situação também podem procurar o serviço. O projeto piloto Rede Voluntária já atende mulheres que chegam por encaminhamento da Polícia Civil ou do Ministério Público. 

A advogada Fernanda Camargo da Silva, que está à frente da Coordenadoria da Mulher, explica que poderá ocorrer atendimento individual ou em grupo. Uma sala junto ao Centro de Atendimento ao Cidadão (CEAC) está disponível para as mulheres. Outra opção será ir ao consultório das voluntárias.

— O assunto é sigiloso. As mulheres podem procurar a coordenadoria porque não tem exposição — salienta a coordenadora. 

O projeto piloto também conta com a parceria de uma coach. Conforme Fernanda, a ideia é que essa profissional atue em rodas de conversa e palestras voltadas ao empoderamento e fortalecimento das mulheres. Hoje, a coordenadoria já fornece orientações jurídicas ou sobre onde procurar esse apoio.

Em média, são 20 mulheres atendidas por mês. As consultas psicoterápicas precisam ser agendadas na própria coordenadoria, que fica no CEAC. O funcionamento é das 9h às 16h. Quem quiser mais informações também pode entrar em contato pelo telefone 9.9710-5229. 

Leia também
Bebês e crianças internados no HG em Caxias recebem doações 
Escolas tentam impedir redução de pagamentos de vagas do município em Caxias
Crânios são retirados de túmulos em cemitério do interior de Caxias do Sul
Caxias já registra cinco mortes por gripe A neste ano 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros